Desempenho do frango (vivo e abatido) na 17ª semana de 2019

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia os Termos de Uso e a Termos de Privacidade.


CI
Frango

Desempenho do frango (vivo e abatido) na 17ª semana de 2019

Frango vivo negociado no interior paulista permaneceu com o preço inalterado
Por:

Pela segunda semana consecutiva, o frango vivo negociado no interior paulista permaneceu com o preço inalterado. Nos seis dias de transações efetuadas entre 22 e 27 de abril, décima sétima semana de 2019, continuou cotado a R$3,60/kg, sem que se alterassem os fundamentos do mercado. Ou seja: a oferta permaneceu estritamente ajustada à demanda, garantindo que o ambiente de negócios se mantivesse firme. Apesar de estarmos no terceiro e último decêndio do mês, o mais fraco para os negócios do gênero.

Na verdade, o frango vivo apenas acompanhou o movimento do frango abatido que, em abril, não apresentou a mesma escalada de preços geralmente observada entre do início da primeira para a segunda quinzena. Em março passado, por exemplo, a valorização entre o dia 1º e o dia 16 foi de mais de 7%. Neste mês não passou de 1%.

É verdade que boa parte dessa quase estabilização foi registrada na Quaresma, período em que, normalmente, o mercado se mantém fraco, independente da época do mês. Tudo indica, porém, que - frente à ainda restrita capacidade aquisitiva do consumidor e ao andar lento da economia - atingiu-se um patamar de preço que não será ultrapassado. Algo que se aplica também ao frango vivo.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink