Desempenho do frango vivo em setembro de 2012
CI
Agronegócio

Desempenho do frango vivo em setembro de 2012

O mês foi encerrado com um incremento de 7,33% em relação ao mês anterior
Por:
Campinas - A recuperação de preços do frango vivo, embora sem a mesma intensidade observada em agosto, teve continuidade em setembro. Dessa forma, o mês foi encerrado com um incremento de 7,33% em relação ao mês anterior, enquanto em comparação ao mesmo mês do ano passado o aumento foi de 25,47%.

Parece ser um resultado ótimo se considerado que a inflação oficial dos últimos 12 meses não chega a 6%. Na realidade, porém, continua sendo um resultado mais do que sofrível porque, por exemplo, não chega a repor os custos de produção e, assim, impossibilita a diminuição dos prejuízos acumulados que, ao contrário, só fazem aumentar, gerando apreensão cada vez maior no setor produtivo.

Não só isso. Ainda que continuem sendo um amplo balizador de toda a avicultura de corte, os preços do frango vivo já não refletem com eficiência a realidade do mercado, especialmente porque nos últimos meses a criação independente caiu de forma significativa. Assim, o produto pode estar registrando evolução à frente da efetiva realidade de mercado.

E que realidade seria essa? Talvez a média entre granja (ave viva) e atacado (ave abatida). E, neste caso, os resultados de setembro apontam que para um incremento anual de 25,47% do frango vivo, o abatido experimentou variação de 16,61%. E se, em relação ao mês anterior, a variação da ave viva ficou em 7,33%, a da ave abatida não passou de 2,22%.

Independente disso, entretanto, é notório que a remuneração obtida pelo frango vivo continua totalmente defasada. Prova disso é encontrada quando se retrocede às vésperas da primeira fase da crise que há quatro anos afeta a economia mundial. Pois em relação aos preços pagos e recebidos em agosto de 2008, o frango vivo conseguiu, apenas, acompanhar de perto a inflação do período, que anda em torno dos 25%. Mas permanece com evolução aquém da alcançada pelo milho (hoje, preço mais de 30% superior ao de então) e muitíssimo abaixo da registrada pelo farelo de soja que, em relação ao que foi registrado quatro anos atrás, tem atualmente valor quase 100% superior.

Ah! sim: nesses mais de 48 meses, a valorização do frango abatido foi inferior aos desses quatro itens - não passou de 20%.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink