Em meio à expectativa de safra recorde, soja cai no RS
CI
Imagem: Divulgação
COTAÇÕES

Em meio à expectativa de safra recorde, soja cai no RS

Já o mercado de soja do estado do Paraná mostra muita apatia
Por: -Leonardo Gottems

Embora tenha tido um ligeiro atraso devido o período de estiagem no estado do Rio Grande do Sul, a soja vai muito bem, com 70% em situação excelente e 30% em condições muito boas, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. No entanto, com a queda nos preços, a soja valeu R$ 165,00 no porto, R$164,00 em Cruz  Alta, R$166,00 em Ijuí e Passo Fundo continua sem cotar. 

“Ocorreu  uma pequena  desvalorização  em  torno  de  0,6%  nos  preços mais  próximos  e  uma  desvalorização  maior  nos  preços futuros.  Não  houve  relatos  de  comercialização,  mas  o mercado  continua  bastante  otimista,  não  apenas  pela qualidade, mas também pela progressão das safras”, comenta a consultoria. 

Já o mercado de soja do estado do Paraná mostra muita apatia neste momento. “Mercado paranaense aparenta muita apatia, com quase nenhuma mudança de preços e menos ainda nos negócios, com  exceção  de  Cascavel  e  Maringá,  onde  caíram dolorosos  4,85%  indo  parar  em  R$157,00  pela  saca  da soja. Trata-se da mesma situação já conhecida anteriormente, onde  a  falta  de  soja  em  estoque  culmina  em  falta  de interesse interno, toda a soja já foi vendida ou exportada e,  portanto,  não  há  variações  consideráveis  na  maioria das regiões. Além disto, os agricultores estão focados na colheita”, completa. 

Enquanto isso, Minas Gerais inicia a colheita e esquece as vendas. “A  colheita  da  soja  começou  em  Minas  Gerais  e  o agricultor  concentrou  nela  toda  a  sua  atenção  e,  por duas  razões:  a)  precisa  colher  bem,  para  atender  os compromissos  que  já  firmou  antecipadamente  para  a safra  desta  temporada  e  b)  diante  dos  problemas havidos  com  as  lavouras  nesta  safra,  prefere  primeiro saber  exatamente  quanto  irá  colher  para  continuar  a vender”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink