Emater-MG encerra o ano de 2021 presente em mais de 800 municípios de Minas Gerais
CI
Imagem: Divulgação
EVENTO

Emater-MG encerra o ano de 2021 presente em mais de 800 municípios de Minas Gerais

Em 2021, a Emater-MG atendeu cerca de 350 mil produtores rurais de Minas Gerais
Por:

Em 2021, a Emater-MG atendeu cerca de 350 mil produtores rurais de Minas Gerais. Desse total, a maior parte é formada por agricultores familiares beneficiados pelo serviço de assistência técnica e extensão rural. A empresa está presente em 805 municípios mineiros graças aos convênios com as prefeituras. O número corresponde a 94% de cobertura no estado.

“Foi um ano em que, mesmo com a pandemia, a Emater não parou de fornecer assistência técnica e extensão rural aos produtores rurais de todo o estado. A empresa se reinventou ao oferecer também assistência técnica por meio de redes sociais, por videoconferências, e com a promoção de cursos a distância. Esperamos que, em 2022, tenhamos resultados ainda melhores para entregar à sociedade minera”, afirma o presidente da Emater-MG, Otávio Maia. 

Inovações

Em 2021, a Emater-MG implantou várias ações para inovar e ampliar o atendimento aos produtores rurais. Nos últimos meses, a empresa iniciou os testes com um protótipo de atendente virtual. O robô (chatbot) faz parte da estratégia de transformação digital e fomento à cultura da inovação da instituição.

Futuramente, o robô irá auxiliar na disponibilização de atendimento 24 horas, sete dias por semana, aos produtores rurais. Na primeira fase de testes, foram 886 usuários cadastrados, entre produtores e técnicos. 

A ferramenta fornecerá atendimento automatizado em um leque de temas que não exigem, necessariamente, a presença do técnico em campo. Os assuntos mais demandados no período de teste foram clima, crédito rural e culturas (milho, feijão, etc.). 

O próximo passo será a contratação de uma empresa de desenvolvimento de chatbot, por meio de licitação, que fará a integração dos acessos dos produtores aos cadastros do banco de dados da Emater-MG. A proposta é lançar o chatbot para todo o estado no ano que vem. 

Outra novidade entre as ações desenvolvidas pela Emater-MG, neste ano, foi a criação do Programa de Apoio à Comercialização Eletrônica de Produtos e Serviços da Agricultura Familiar. Ele irá ampliar a participação da agricultura familiar no mercado, por meio da venda direta ao consumidor, a partir do uso das tecnologias do comércio eletrônico e serviços especializados de assistência técnica e extensão rural. 

Será implantada uma plataforma de comercialização eletrônica (marketplace), que seja acessível aos mais diversos empreendimentos rurais do estado. A Emater-MG está fazendo um levantamento preliminar dos produtores interessados e dos produtos que, eventualmente, possam ser ofertados ao consumidor em loja virtual. “Vamos ofertar aos produtores rurais de todo o estado a possibilidade de aderir ao mundo virtual e ao e-commerce, para potencializar as vendas para o consumidor final”, esclarece Otávio Maia.  

Alimentação escolar

Ainda na área de comercialização, Otávio Maia destaca o contrato celebrado entre a Emater-MG e a Secretaria de Estado de Educação (SEE). O objetivo é ampliar a oferta de alimentos da agricultura familiar junto à Rede Estadual de Ensino. O acordo vai fortalecer as ações do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). A lei que regulamenta o Pnae estabelece que, no mínimo, 30% dos recursos repassados aos estados e municípios pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), para a alimentação escolar, devem ser utilizados na compra de produtos da agricultura familiar. 

O contrato da Emater com a SEE irá possibilitar o aumento do número de produtores em condições de fornecer alimentos para a alimentação escolar, além de melhorar a interlocução entre escolas e produtores rurais. “É o maior contrato da história da prestação de serviços da Emater-MG. A previsão de atendimento é de 15 mil agricultores familiares dentro de 12 meses de vigência do contrato”, explica o presidente. 

A Emater-MG também irá desenvolver ações para a regularização sanitária de agroindústrias familiares, com o objetivo de fornecer alimentos processados às escolas públicas. Serão identificados 128 estabelecimentos que apresentem maior potencial de adoção dos parâmetros estabelecidos pela legislação vigente.

A empresa vai promover capacitações em processamento de alimentos, boas práticas de fabricação e em habilitação sanitária. Será dada prioridade aos empreendimentos que já estejam em processo de regularização sanitária e ligados a cooperativas de agricultores familiares, em municípios que estejam com índices abaixo do estabelecido para a aquisição de alimentos da agricultura familiar.

Entrega de kits, sementes e equipamentos

Neste ano, a Emater-MG também realizou a entrega de diversas máquinas, equipamentos e veículos para o desenvolvimento de atividades agropecuárias em todo o estado, adquiridos com recursos de emendas parlamentares relativas aos anos de 2020 e 2021. 

A empresa possui um portfólio para execução das emendas. Quando os parlamentares indicam o repasse de recursos para execução pela Emater-MG, é feito contato com as prefeituras para elaboração de um projeto técnico, organização da documentação e licitação para compra dos itens que serão entregues aos beneficiados. 

Entre os itens entregues, neste ano, estão 230 kits de feira livre, 110 máquinas e equipamentos agrícolas, 3 caminhões, 10,3 mil sacos de sementes de cereais, 720 mil pacotes de sementes de hortaliças, 132 kits de inseminação artificial de bovinos e 2 kits de apicultura. 

Crédito rural 

A Emater–MG elabora projetos de crédito rural para que o produtor possa investir na implantação, ampliação e modernização da infraestrutura de produção e serviços no estabelecimento rural. A principal atuação da empresa é em relação ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). 

De janeiro a novembro de 2021, a Emater–MG emitiu 39.027 Declarações de Aptidão ao Pronaf (DAP), documento necessário para que os agricultores familiares obtivessem crédito e acesso a outras políticas públicas. Os contratos assinados em 2021 com a assistência da Emater–MG atingiram o valor de R$ 934,5 milhões. Os técnicos da empresa elaboraram 12,4 mil projetos de custeio e investimento. 

Turismo rural

A Emater-MG e a Secretaria de Estado de Cultura e Turismo firmaram um Acordo de Cooperação Técnica para estimular o turismo rural em Minas Gerais. Entre as ações previstas estão a capacitação de agricultores familiares, identificação de potencialidades regionais e apoio para a comercialização de produtos locais junto aos visitantes, além da elaboração de roteiros em segmentos específicos, como turismo rural de base comunitária, de aventura e ecoturismo. “É uma área que apostamos muito. Pretendemos levar o incremento de renda e a melhoria da qualidade de vida para todos os produtores que aderirem a esta proposta”, informa o presidente da Emater-MG. 

Concursos

Neste ano, a Emater-MG promoveu dois concursos que mobilizaram os produtores rurais de todo o estado e colocaram em evidência dois importantes produtos do agronegócio mineiro: o café e o Queijo Minas Artesanal. 

O 18° Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais recebeu a inscrição de 1.557 amostras, a maior parte pertencente a agricultores familiares. O vencedor estadual deste ano foi o cafeicultor Diogo Ferreira Amorim, do município de Espera Feliz, na região cafeeira conhecida como Matas de Minas.

Já o 13º Concurso Estadual do Queijo Minas Artesanal contou com a participação de 132 concorrentes. O queijo Jacuba, produzido por Maria Teresa Viana Boari, do município de Coronel Xavier Chaves, na região do Campo das Vertentes, foi o vencedor. 

Planejamento estratégico

Para 2022, Otávio Maia lembra que será lançado o Planejamento Estratégico da Emater-MG. O processo de formulação do planejamento foi chamado de Fortalece Emater e contou com a participação de todo o corpo de funcionários da empresa, além de especialistas como o ex-ministro da Agricultura, Alysson Paulinelli. “No planejamento estarão os eixos temáticos com cinco objetivos estratégicos, análise de cenários e de riscos, e o portfólio de programas estratégicos da Emater-MG”. 

Prêmio

No final de 2021, a Emater-MG conquistou o prêmio Melhores do Agronegócio 2021, concedido pela revista Globo Rural e Editora Globo, na categoria Serviços Agropecuários. A premiação é feita com base em dados coletados pela Serasa Experian relativos ao exercício de 2020. As empresas são avaliadas pelo seu desempenho e gestão, sendo listadas as maiores em mais de 20 segmentos do agronegócio. A avaliação do Prêmio Melhores do Agronegócio também leva em consideração resultados e aspectos sobre responsabilidade socioambiental. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.