Embaixador propõe parceria com TO para recuperação de pastagens
CI
Agronegócio

Embaixador propõe parceria com TO para recuperação de pastagens

Secretário apresentou as potencialidades do Tocantins e falou sobre as técnicas de recuperação de pastagens
Por:

O secretário da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, Jaime Café, juntamente com a equipe técnica do órgão, recebeu nessa quinta-feira, 16, o embaixador do Sudão, Abd Elghani Elnaim Awad Elkarim, que veio ao Tocantins conhecer as potencialidades do Estado. Na ocasião, foi apresentado ao representante do país africano, a atual produção e o potencial tocantinense nas áreas de pecuária, agricultura, piscicultura e geração de energias limpas.

“O Governo Siqueira Campos é muito simpático a fazer intercâmbio com outros países, sobretudo nos assuntos relacionados à agricultura”, afirmou o secretário Jaime Café. Na ocasião, o secretário entregou ao embaixador do Sudão um material com informações sobre o agronegócio tocantinense.

O secretário executivo da Agricultura, Ruiter Padua, apresentou o potencial produtivo do Estado e fez uma síntese sobre o trabalho que vem sendo feito no Tocantins em prol da recuperação das pastagens. O assunto chamou atenção do embaixador, que propôs uma parceria com o Governo do Tocantins, com o intuito de levar as técnicas bem sucedidas ao Sudão.

Segundo Abd Elghani, o Sudão, assim como o Tocantins, tem muito potencial para o agronegócio, mas necessita de mais tecnologia e de maior participação do setor privado. “Os produtores que estão no Tocantins também poderiam conhecer o Sudão e quem sabe investir no nosso país, que assim como o Brasil tem muito potencial para agricultura”, afirmou o embaixador.

O subsecretário de Energias Limpas, Ailton Parente Araújo, também participou da reunião e destacou as ações do Governo, a favor do avanço da geração de energias renováveis no Tocantins. “Estamos trabalhando no atlas solar do Estado, que vai certificar esse potencial em produção de energias limpas”, afirmou o subsecretário, que também falou sobre o potencial do Estado na produção de etanol, biodiesel e energia eólica.

Por fim, o diretor de Pesca da Seagro, Alexandre Godinho, comentou sobre a produção de peixe no Estado. “O Tocantins tem uma das melhores condições, dentro do Brasil, para produção de peixes tropicais, em razão da grande oferta de água doce, da topografia e da temperatura da água”, afirmou o diretor, apresentando informações sobre as principais espécies de pescados criados no Tocantins, como o Tambaqui, a Caranha, o Piau, a Cachara e o Pirarucu.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.