Embrapa promove V simpósio de pesquisa dos cafés do Brasil

Agronegócio

Embrapa promove V simpósio de pesquisa dos cafés do Brasil

O evento destaca temas relevantes do cenário atual e perspectivas sobre as demandas do mercado
Por: -Assessoria de Imprensa
1 acessos

O futuro do agronegócio café estará em debate no V Simpósio de Pesquisas dos Cafés do Brasil, de 07 a 11 de maio, no Hotel Vacance, em Águas de Lindóia (SP). Realizado a cada dois anos, o principal evento promovido pelo Consórcio Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento do Café (CBP&D/Café), administrado pela Embrapa Café, destaca em sua programação os temas relevantes do cenário atual, com perspectivas sobre as demandas do mercado e exigências dos consumidores, as políticas e ações voltadas para o setor e os resultados das pesquisas capazes de tornar o produtor mais competitivo e a atividade mais sustentável.

O Simpósio caracteriza-se pela sistematização de informações, experiências e recomendações seguras e atualizadas das tecnologias cafeeiras. Além da apresentação oral de trabalhos técnico-científicos e apresentação de pôsteres, a programação inclui a apresentação dos resultados alcançados por cada um dos doze Núcleos de Referência do CBP&D/Café, tornando mais transparente os esforços para o fortalecimento da cafeicultura. O participante também fará parte de debates com especialistas sobre temas diversificados, cursos técnicos, fórum político e aula magna.

Seis temas principais terão destaque em painéis durante o Simpósio: Sustentabilidade na Cafeicultura, Competitividade no Agronegócio Café, Cenários para Cafeicultura, Código Comum para a Comunidade Cafeeira, Barreiras não Tarifárias para o Café e Novos Rumos para a Cafeicultura Familiar. Os participantes destes debates receberão informações atualizadas sobre as dificuldades, desafios e exigências para a gestão da cafeicultura, da unidade de produção à conquista de novos mercados.

Estarão em pauta as perspectivas da cafeicultura mundial, com orientações de como melhorar a rentabilidade em função de um melhor manejo dos custos de produção e o conhecimento dos fatores econômicos que influenciam o sucesso da atividade, como o câmbio, juros, tributação, preços e marketing. Será destacada ainda a tendência dos cafés diferenciados, com apresentação de soluções para agregação de valor e conquista de novos nichos de mercado.

Se de um lado o médio e grande produtor busca aprimorar o processo produtivo e driblar as flutuações do mercado com mais qualidade ao produto, o V Simpósio também dará espaço para discussão das alternativas para agricultura familiar. Serão apresentadas novas oportunidades de negócios, fatores que geram maior competitividade, redução de custos, preservação ambiental, desenvolvimento social e possíveis ameaças.

Outro tema que preocupa o setor são as pressões do segmento importador que possam dificultar a exportação de café verde. Durante o Simpósio, será debatida a falta de conhecimento sobre as normas fitossanitárias e os impactos que as barreiras não tarifárias causam sobre as economias dos países exportadores. Especialistas vão apresentar o direcionamento das políticas que vem sendo tomadas para tornar o café brasileiro mais competitivo.

Estão previstas as realizações de seis cursos técnicos durante o V Simpósio: Manejo do solo e cobertura vegetal; Custo de produção e registro de informações na cafeicultura; Irrigação do cafeeiro; Manejo integrado de pragas e doenças do café; Colheita e pós-colheita do café e Técnicas de preparo do café. Em breve a programação completa estará disponível no site do V Simpósio http://simposiocafe.sapc.embrapa.br

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink