Energia na mira da crise financeira mundial
CI
Agronegócio

Energia na mira da crise financeira mundial

A crise financeira mundial passou a afetar a energia e até mesmo o pré-sal brasileiro, segundo o Dr. Argemiro Luís Brum
Por: -Janice
A crise financeira mundial passou a afetar a energia e até mesmo o pré-sal brasileiro, segundo o Dr. Argemiro Luís Brum, professor da Unijuí e colunista do portal Agrolink. Com um alto custo, a extração pode ser comprometida caso o barril de petróleo recue abaixo de US$ 70,00/barril no mercado internacional. “De nada adianta termos esta enorme riqueza energética se não conseguirmos viabilizá-la economicamente”, destaca o colunista.

Falando sobre o setor energético, Brum diz que diante do atual cenário, uma tendência se confirma, “o biocombustível é uma boa alternativa ao petróleo, desde que este se mantenha em preços elevados”. A viabilidade deste está ancorada principalmente no etanol (álcool) e não biodiesel a base de óleos vegetais. No Brasil, as vendas de automóveis e comerciais leves total-flex ou flex-fuel, passaram de 10.130 unidades em 2000 para 2,03 milhões de unidades em 2007, já tendo chegado a 1,64 milhão nos oito primeiros meses de 2008.

Contudo, ele lembra que o aumento no consumo potencial se encontra no próprio mercado interno. Tomando como hipótese uma substituição do diesel pelo etanol, seria necessário entre 1,7 a 1,9 litro de etanol para gerar o mesmo rendimento de um litro de diesel, o que não deverá ocorrer exatamente dessa forma, mas segundo Brum, a tendência se desenha de forma interessante para o futuro.

Para ler a coluna completa de Argemiro Luís Brum, clique aqui.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.