Entidades do MT pedem renegociação das parcelas de investimento
CI
Agronegócio

Entidades do MT pedem renegociação das parcelas de investimento

A Aprosoja e a Famato também cobraram agilidade na renegociação dos débitos privados
Por: -Sandra

A Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso (Aprosoja) e a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (Famato) estiveram em Brasília nessa quarta-feira (07-02) para discutir o processo de renegociação do endividamento privado e das parcelas de investimentos dos programas financiados com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).O presidente da Aprosoja, Rui Prado, e o presidente da Famato, Homero Pereira, se reuniram com o assessor para Assuntos da Agricultura do Ministério da Fazenda, Gerardo Fontelles, para discutir o assunto.

A expectativa é que na próxima semana seja realizada uma última reunião para que até o fim de fevereiro a Medida Provisória que regulamenta o fundo de aval e refinanciamento dos débitos privados através do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT-Giro Rural) seja publicada. “Esperamos que as contratações comecem logo. A única pendência é exigência de 100% de garantia do produtor pelo Banco do Brasil. Nossa sugestão é que o produtor complemente o que faltar no fundo de aval”, explicou Prado.

Já em relação às dívidas de investimento, as lideranças reiteraram o pedido de renegociação feito no ano passado. Eles também participaram da primeira reunião da Comissão Nacional de Grãos da Confederação Nacional de Agricultura (CNA). A entidade nacional também vai atuar no processo de negociação das parcelas que começaram a vencer no início deste ano. As informações são da assessoria de imprensa da Aprosoja.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink