Estoque de grãos da Conab supera 12 milhões de toneladas

Agronegócio

Estoque de grãos da Conab supera 12 milhões de toneladas

Os maiores estoques registrados até 31 de dezembro foram os de milho
Por: -Giuliano
1 acessos

A pesquisa de estoques do IBGE em relação ao segundo semestre de 2006 indica que a quantidade de grãos em 31 de dezembro de 2006 era superior a 12,8 milhões de toneladas. Os maiores estoques registrados nesta data foram os de milho em grão (4.912.585 toneladas), de soja em grão (3.053.696 toneladas), trigo em grão (2.646.685 toneladas), arroz em casca (2.123.622 toneladas), e café em grão (1.143.307 toneladas). Comparados aos resultados do mesmo período de 2005, os estoques de café e arroz em casca apresentaram variações positivas de 20,6% e 1,8%. Já os estoques de trigo, soja e milho caíram 28,3%, 5,8% e 4,9%, respectivamente.

A rede armazenadora de produtos agrícolas em operação no país apresentou um decréscimo de 2,1% em número de estabelecimentos ativos frente ao primeiro semestre. No final do segundo semestre, esta rede contava com 9.228 estabelecimentos ativos, sendo que 42,1% encontravam-se na região Sul, 24,2% na Sudeste, 21,8% na Centro-Oeste, 8,5% na Nordeste e 3,4% na Norte. O estoque de grãos em 31 de dezembro de 2006 era superior a 12,8 milhões de toneladas.

Os silos para grãos apresentaram 42.885.973 toneladas de capacidade útil total no país. Deste total 55,8% concentraram-se na região Sul e as regiões Centro-Oeste e Sudeste ficaram com 25,5% e 14,1%, respectivamente. A capacidade útil das unidades armazenadoras dos tipos armazéns convencionais, estruturais e infláveis foi de 81.721.655 metros cúbicos. Deste total, pouco mais de 70,0% concentraram-se nas regiões Sul e Sudeste. As unidades armazenadoras dos tipos armazéns graneleiros e granelizados somaram 48.795.180 toneladas de capacidade útil, das quais a região Centro-Oeste deteve 49,1% de capacidade de armazenamento e a Sul 34,9%. As informações são da assessoria de imprensa do IBGE.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink