Estoques de soja caem 12,4%, diz pesquisa do IBGE

Agronegócio

Estoques de soja caem 12,4%, diz pesquisa do IBGE

Outros produtos com queda de estoques foram o milho (-24,6%), arroz (-24,3%), trigo (-39,9%) e o café (-9,7%)
Por:
1791 acessos

Outros produtos com queda de estoques foram o milho (-24,6%), arroz (-24,3%), trigo (-39,9%) e o café (-9,7%)

Os estoques de soja no primeiro semestre deste ano no país caíram 12,4% em relação ao primeiro semestre de 2015. Em 30 de junho deste ano, O Brasil tinha estocados 23,7 milhões de toneladas do produto. A soja reunia os maiores estoques.

A capacidade de armazenagem agrícola do país cresceu 0,2% no primeiro semestre deste ano, na comparação com o segundo semestre de 2015. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a capacidade dos armazéns e silos brasileiros ficou em 166,5 milhões de toneladas no primeiro semestre.

Recuo de 1,3%

O número de estabelecimentos ativos, no entanto, recuou 1,3% ao passar de 7.918 no segundo semestre de 2015 para 7.818 no primeiro semestre deste ano.

Entre os tipos de estabelecimentos, a maior capacidade de armazenagem está nos silos (74,9 milhões de toneladas).

Os armazéns graneleiros e granelizados aparecem em segundo lugar, com capacidade armazenar 64,2 milhões de toneladas, enquanto os armazéns convencionais, estruturais ou infláveis têm capacidade de guardar 27,5 milhões de toneladas.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink