EUA revisam área e China compra mais

Agronegócio

EUA revisam área e China compra mais

O USDA revisa mensalmente suas projeções para a safra de grãos do país, mas nem sempre altera os dados de área e produção
Por:
569 acessos

A reação do mercado internacional de grãos começou no dia 23 de julho, quando o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou que iria revisar em agosto suas estimativas de plantio para a safra norte-americana 2009/10, divulgadas no final de junho. E ganhou força na semana passada, depois que a China anunciou a compra de 1,92 milhão de toneladas de soja dos EUA, sendo 1,8 milhão para embarque na temporada 2009/10, que começa em 1º de setembro.

O USDA revisa mensalmente suas projeções para a safra de grãos do país, mas nem sempre altera os dados de área e produção. Como esse tipo de modificação não costuma ser feita em agosto, o anúncio levantou suspeitas de que o órgão possa ter superestimado os números anunciados em junho, quando surpreendeu o mercado com um inesperado aumento na área de milho.

Os novos números saem na próxima quarta-feira, junto com o relatório de oferta e demanda mundial. Segundo o analista Vic Lespinasse, da consultoria americana GrainAnalyst, a expectativa é que o milho “perca” até 363,8 mil hectares. A dúvida, relata, é se essa área será transferida para a soja. Pedro Collussi, analista da AgraFNP, braço da consultoria americana Informa Economics no Brasil, acredita que não. Para ele, o levantamento de junho do USDA apontou uma área total de cultivo de verão muito grande e a extensão perdida pelo milho não deve migrar para a soja.

Na opinião da AgraFNP, o USDA manterá a estimativa de plantio de soja ém 31,3 milhões de hectares e recuará a área de milho de 35,2 milhões para 35 milhões de hectares.(LG)

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink