Ex-árbitro de futebol aposta na agropecuária e aconselha investir nas CPRs
CI
Agronegócio

Ex-árbitro de futebol aposta na agropecuária e aconselha investir nas CPRs

Por:

Atuando há 18 anos no mercado de capitais, em que a regra nem sempre é clara, o ex-árbitro de futebol Arnaldo César Coelho, controlador da Liquidez, a terceira maior corretora independente em operação na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), aposta suas fichas na agropecuária. "O agronegócio, sem nenhum trocadilho, é o grande negócio do futuro. E, neste caso, ao contrário de outras operações de mercado financeiro, a regra é clara", afirma, parodiando o bordão que usa nas transmissões de futebol da TV Globo, onde atua como comentarista de arbitragem.

Apesar de ainda estar ingressando no mercado de Cédulas de Produto Rural (CPR), um novo e rico filão dos leilões do mercado futuro, ele dá exemplos:

quem aplicou R$ 5.297,60 por 201 dias em CPRs de soja em grãos, resgatará, em 20 de janeiro próximo, R$ 6.027,00, rendimento anualizado de 25,93% sobre o qual incide apenas o Imposto de Renda. Se a opção foi investir R$ 11.100,20 em CPRs de boi gordo por prazo de 246 dias, a vencer em 5 de março, o resgate será de R$ 13.011,30 ou 26,21% de rendimento anualizado. Se a preferência foi aplicar R$ 97.520,63 por 155 dias em CPRs de café arábica, o resgate, em 5 de dezembro, será de R$ 107.604, 00, ou mais de R$ 10 mil de rendimento, com o aval do Banco do Brasil, que abona essas cédulas.

Para ele, o investimento no agronegócio, além de seguro, abre espaço para a participação de pessoas físicas no mercado, a partir de R$ 5 mil. Coelho aconselha o investimento e aposta nas CPRs. Tanto que acaba de contratar Sócrates Mendes, o homem que comandou operações internacionais do Banco do Brasil, para cuidar desse setor na Liquidez. Segundo Mendes, "os leilões dessas cédulas são diários e elas são usadas pelo produtores como garantia na compra de sementes e cabeças de gado. Já representam um financiamento ao agronegócio superior a R$ 20 bilhões por ano. É uma safra na qual todos colhem."


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.