Exportações de carne suína ajudam no escoamento da produção brasileira

Agronegócio

Exportações de carne suína ajudam no escoamento da produção brasileira

Devido ao período do mês e na iminência do recebimento de salários, a expectativa era de melhora nos preços.
Por:
345 acessos

Devido ao período do mês e na iminência do recebimento de salários, a expectativa era de melhora nos preços. No entanto, no mercado de suínos os preços permaneceram nas mesmas bases. Nas granjas paulistas, a arroba do animal terminado está cotada, em média, em R$78,00.

No atacado, os compradores aguardam melhorias do consumo para se posicionarem. No momento os frigoríficos trabalham com estoques ajustados. A carcaça especial está cotada, em média, em R$6,00/kg. Já são vinte e três dias de estabilidade nas cotações.

Com relação às exportações, segundo o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, o país exportou 63,0 mil toneladas de carne suína in natura em setembro. Volume recorde no ano.

Na comparação com o mês anterior houve acréscimo de 9,5% no volume embarcado. Na comparação com igual período do ano passado, as exportações aumentaram 39,6%. Os embarques de carne suína vêm sendo uma boa via de escoamento da produção, visto o consumo interno ruim.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink