Extensionistas participam de capacitação em criação e manejo de búfalos

Boi

Extensionistas participam de capacitação em criação e manejo de búfalos

Integrantes da Emater/RS-Ascar e da SDR participaram, nesta quinta-feira (20/12)
Por:
72 acessos

Integrantes da Emater/RS-Ascar e da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR) participaram, nesta quinta-feira (20/12) de uma capacitação em bubalinocultura promovida pela Associação de Criadores de Búfalos do Rio Grande do Sul (Ascribu), na Granja Agrobuffer de Taquara. 

No encontro foram abordados temas como as particularidades da cadeia produtiva, o manejo, espécies e raças, reprodução, nutrição, sanidade, produção de leite e carne, comercialização e estruturas. As informações foram repassadas por criadores e pelo grupo de pesquisa em búfalos coordenado pelo professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS),Harold Ospina Patino. 

Segundo a coordenadora da área de Pecuária Familiar da Emater/RS-Ascar, a veterinária Thaís Michel, a capacitação serviu para aproximar os extensionistas da realidade da cadeia produtiva de búfalos, mostrando as diversas potencialidades desde animal na agricultura familiar. ?Dentre os principais destaques estão a docilidade da espécie, a capacidade de conversão alimentar que os búfalos têm em condições adversas e qualidade dos produtos e subprodutos desta cadeia?, ressalta Thaís. 

A capacitação foi realizada pela Ascribu em função da cooperação firmada com a Emater/RS-Ascar, que prevê que as instituições realizem projetos, treinamentos e ações de forma conjunta, com intuito de divulgar a cadeia da bubalinocultura na agricultura familiar, seja para incremento de renda na propriedade e acesso a alimentos diferenciados (carne de búfalo, leite e subprodutos do leite de búfala), como para a diversificação das atividades produtivas. Somente na Região de Porto Alegre, que compreende 70 municípios, existem 26 criadores de búfalos assistidos pela Emater/RS-Ascar e o rebanho chega a 1646 cabeças. As criações são destinadas ao abate e venda da carne e/ou produção de leite. 

O criador Guilherme Aydos, que esteve na capacitação, contou que em 16 hectares, no município de Gravataí, ele produz e entrega leite para beneficiamento na Cooperbúfalo. ?Isto mostra que existe espaço no mercado para este tipo de produção?, ressalta o veterinário da Emater/RS-Ascar, Carlos Roberto Vieira da Cunha. 

A capacitação foi realizada em Taquara, em função Granja Agrobuffer, do criador Ricardo Sander, ser associada da Ascribu. A propriedade de Ricardo, que fica na localidade Passo da Ilha, produz búfalos da raça Murrah e Jafarabadi desde 1989, com o objetivo de ter animais de corte e fêmeas selecionadas para matrizes. Na propriedade destaca-se a baixa utilização de insumos externos, reduzida mão de obra e os princípios de sustentabilidade e agroecologia aplicados na prática. 

Os animais são criados em campo nativo melhorado, este é piqueteado com cerca elétrica e o pastejo dos animais é realizado de forma rotacional, proporcionando ao pasto boas condições de recuperação. A condição alimentar dos animais, aliadas às boas práticas de manejo, o bem-estar animal e a seleção genética realizada pelo criador Ricardo Sander tornaram o seu rebanho uniforme e com boas condições corporais e sanitárias. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink