Exterior começa a temer concorrência do trigo brasileiro
CI
Imagem: Divulgação
POTÊNCIA AGRÍCOLA

Exterior começa a temer concorrência do trigo brasileiro

Seríamos um importador líquido de 6,7 milhões de toneladas a menos para o trigo argentino
Por: -Leonardo Gottems

Um artigo publicado no Financial Times, da Inglaterra, indicou que os produtores brasileiros estão aproveitando os preços altos para plantas mais trigo. No entanto, o artigo indica que o Brasil está sendo imprudente, já que está passando por uma seca e importa quase todo o seu fertilizante.

“Há dois problemas: um é que o Brasil, este canto altamente produtivo do planeta, ainda está saindo de um período de seca severa, o segundo é o aumento dos preços dos fertilizantes. O país importa 85% dos agroquímicos, dos quais cerca de um quarto vem da Rússia”, dizem Michael Pooler, Brian Harris e Lucinda Elliot.

Para a consultoria TF Agroeconômica, essa atenção dos especialistas ao nosso país significa que o Hemisfério Norte está temendo a concorrência brasileira também no mercado do cereal. “Como se percebe, o Hemisfério Norte começa a temer a concorrência que o eventual crescimento da exportação de trigo do Brasil possa fazer a eles no mercado mundial. Além disso, seríamos um importador líquido de 6,7 milhões de toneladas a menos para o trigo argentino que, assim, teria mais volume para colocar no mercado mundial”, diz a consultoria.

Além disso, a TF afirma que os problemas citados no artigo não procedem e que os agricultores brasileiros não devem se preocupar. “O primeiro problema apontado pelo articulista não procede mais; as fortes chuvas que ocorrem nas regiões produtores desde março e em abril estão irrigando o solo de maneira praticamente ideal”, completa.

“O segundo problema mencionado pela matéria também não procede, porque os insumos comprados para esta próxima safra já tinham sido comprados e entregues antes da guerra, de modo que o plantio está assegurado”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.