FAO: carnes têm alta de 2,1% no mercado internacional
CI
Agronegócio

FAO: carnes têm alta de 2,1% no mercado internacional

Em relação às carnes, especificamente, a alta foi de, aproximadamente 4 pontos em relação à agosto
Por:
O último relatório mensal da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) observa que, após dois meses de estabilidade, o Índice FAO que acompanha o preço de uma cesta de alimentos comercializados no mercado internacional voltou a apresentar ligeira alta em setembro passado, subindo no mês 1,4% ou 3 pontos.


Em relação às carnes, especificamente, a alta foi de, aproximadamente 4 pontos em relação à agosto, o que significa que o índice do mês anterior, de 171,3 pontos, subiu para 175 pontos, registrando incremento de 2,1%. Essa alta foi determinada por aves e suínos, setores que, nas palavras da FAO, registraram fortes ganhos. Neste caso, porém, a grande expansão ficou circunscrita à carne suína (+6%), já que a valorização da carne de frango não passou de 2%.


Mesmo assim seria ótimo não fosse o fato de os grãos também terem revertido o processo de estabilização anterior e iniciado nova fase de alta de preços. E ainda que essa alta tenha sido moderada, de pouco mais de 1%, reaproxima novamente o preço dos grãos do recorde mais recente, registrado em abril de 2011.





Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink