FAO: em março, carnes tiveram aumento apenas marginal

Agronegócio

FAO: em março, carnes tiveram aumento apenas marginal

Em comparação a março de 2011 (174,5 pontos) o aumento não foi muito além de 2%
Por:
205 acessos
Ao divulgar seu índice de preços dos alimentos relativo ao mês de março passado, a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) observou que o Índice de Preços das Carnes apresentou aumento apenas marginal. Ficou, mais exatamente, em 178,2 pontos, o que significou variação de menos de meio por cento em relação aos 177,5 pontos de fevereiro/12. Em comparação a março de 2011 (174,5 pontos) o aumento não foi muito além de 2%.


Note-se que, embora modesto, este último índice superou os demais indicadores da FAO, todos com evolução anual negativa. O Índice de Preços dos Cereais, por exemplo, recuou quase 10% em 12 meses. E o Índice Geral de Alimentos da FAO apresentou queda de 6,95%.

Ainda assim, quando analisados os resultados de dois anos atrás (março de 2010), as carnes continuam com os menores índices de evolução de preços. Isso sem contar, por exemplo, que, em relação ao período-base dos índices (2002/2004), o preço das carnes evoluiu perto de 45%, contra quase 58% dos cereais e mais de 68% do índice geral de preços dos alimentos.


Conforme o recente relatório da FAO, a carne bovina foi quem sustentou a ligeira melhora observada de fevereiro para março. O preço das carnes suína e ovina praticamente não se alterou. E o preço das carnes avícolas recuou, como resultado de uma menor demanda por parte dos importadores e de um aumento de oferta no mercado internacional.

Com o último resultado as carnes fecharam o primeiro trimestre de 2012 com variação de apenas 3,5% em relação ao mesmo período de 2011. Que, por sua vez, havia garantido incremento anual de preços da ordem de, praticamente, 20%. Ou seja: tudo, agora, caminha bem mais lentamente.




Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink