Farm cobra ações no CAS

Agronegócio

Farm cobra ações no CAS

Por:
235 acessos

A Federação das Associações Rurais do Mercosul (Grupo Farm) entregou, na quarta-feira, na reunião do Conselho Agropecuário do Sul (CAS), em La Paz, na Bolívia, documento em que alerta para falhas na defesa sanitária em países como Colômbia e Bolívia, o que preocupa o Cone Sul. Além da apresentação no espaço destinado ao setor privado, também houve o envio eletrônico para todos os ministros de Agricultura membros do CAS. Segundo o presidente do Grupo Farm, Cesário Ramalho, o próximo passo será conversar sobre os controles integrados para o bloco com o ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes. Ramalho explica que são movimentos que terão reflexo no longo prazo devido a sua complexidade. "O que a iniciativa privada faz é reforçar, cobrar providências para que a aftosa seja superada em prol da ampliação de mercados."


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink