Feijão: Compradores testando produtor
CI
Imagem: Pixabay
PULSES

Feijão: Compradores testando produtor

Produtores estão menos dispostos a vender do que em outros anos neste período de recesso
Por: -Leonardo Gottems

A semana começou com dificuldades de produtores e compradores do mercado de feijão chegarem a um acordo, de acordo com o Ibrafe (Instituto Brasileiro do Feijão e Pulses). Os compradores testaram o mercado, ofertando, no Paraná, por exemplo, R$ 260 por Feijão-carioca Campos Gerais, nota 8/8,5, mas não acharam vendedores nestes níveis. 

“Ao que tudo indica, os produtores estão menos dispostos a vender do que em outros anos neste período de recesso. Foi assim nas diversas regiões onde ainda há algum estoque de Feijão. Dificilmente haverá negociação de volumes maiores. Os negócios reportados foram poucos, mas aconteceram”, explica a entidade. 

Algumas vezes, ressalta o Instituto, são compradores que têm transporte na região e querem trazer seus motoristas de volta à base ou real necessidade. “O Feijão-preto mantém os valores entre R$ 280 e R$ 295, FOB Paraná. Vamos acompanhar de perto durante os feriados a temperatura do mercado de Feijão em um ano muito diferente do normal”, garante a entidade comandada por Marcelo Lüders.

FEIJÃO-CARIOCA

Ainda de acordo com o Ibrafe, o Feijão-carioca terá diminuído nestes dias a quantidade de empacotadores no mercado. “Mas não é uma parada total. Muitas empresas não terão férias coletivas, portanto poderão ter alguma necessidade a ser atendida. A eles estarão se juntando àqueles que esperam conseguir alguma situação de preço interessante. Alguns produtores estarão colhendo e vendendo. Assim como na última sexta-feira, quando voltaram a acontecer negócios ao redor de R$ 285 no interior de São Paulo, e este estado ainda é o formador de preço”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink