Focos da Sigatoka Negra reaparecem em Mato Grosso
CI
Agronegócio

Focos da Sigatoka Negra reaparecem em Mato Grosso

Revogada a Instrução Normativa que reconhecia municípios de Mato Grosso como áreas livres da praga
Por:
Revogada a Instrução Normativa que reconhecia municípios de Mato Grosso como áreas livres da praga

Foi publicada no Diário Oficial desta terça-feira (24) a Instrução Normativa nº 15 que revoga a Instrução Normativa nº 39, de 30 de dezembro de 2008, reconhecendo a área livre da Sigatoka Negra, praga que afeta a planta da banana.

De acordo com o a Secretaria de Defesa Agropecuária (SDA), a revogação foi solicitada pela Superintendência Federal de Agricultura de Mato Grosso porque foram encontrados focos da praga nas áreas livres compreendidas pelos municípios Alto da Boa Vista, Bom Jesus do Araguaia, Cana Brava do Norte, Confresa, Luciara, Novo Santo Antônio, Porto Alegre do Norte, Querência, Ribeirão Cascalheira, Santa Cruz do Xingu, Santa Terezinha, São Félix do Araguaia, São José do Xingu, Serra Nova Dourada e Vila Rica.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink