Fórum reúne agricultores familiares e escolas para debater lei 11.947

Agronegócio

Fórum reúne agricultores familiares e escolas para debater lei 11.947

A palestra será realizada no dia 29/06, de 8h às 17h, no Salão Azul da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, em Seropédica
Por: -Janice
1104 acessos
A agricultura familiar ganhou uma nova oportunidade com a vigência da Lei n.11.947/2009. Esta obriga Estados e Municípios a gastarem, pelo menos, 30% dos recursos que recebem do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação para a aquisição de alimentos produzidos por agricultores familiares os quais serão destinados à alimentação escolar.


A Embrapa Agroindústria de Alimentos (Rio de Janeiro, RJ), promove o fórum “Alimentação Escolar: uma oportunidade para a Agricultura Familiar” que vai promover o encontro das duas pontas do processo, os agricultores e as escolas, em debates sobre a qualidade e segurança dos alimentos que serão oferecidos pela agricultura familiar, no dia 29/06, de 8h às 17h, no Salão Azul da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, em Seropédica. A palestra inicial será a apresentação da Lei 11.947, por Cristianne Mendonça, Gerente de Programas Sociais da Emater Rio, seguida de mesa redonda com a participação de Margareth Teixeira, da UNACOOP; Cristina Ribeiro, da ABIO; Rodrigo Paranhos, da Embrapa, e Gilson de Oliveira Junior, do CTUR. À tarde, a mesa redonda contará com apresentações da área de educação, com a Coordenadora de Alimentação Escolar da SEED, Daniela Mello Duarte; e nutrição, com Luciana Maldonado, do Núcleo Colaborador em Alimentação e Nutrição Escolar/UERJ, e representante da Vigilância Sanitária.


O fórum é destinado a agricultores familiares e suas associações e cooperativas; profissionais da educação; representantes de Secretarias de Educação e Secretarias de Agricultura de municípios e Estado do Rio de Janeiro e ao público interessado em geral.


A Embrapa Agroindústria de Alimentos tem a pesquisa em Qualidade e Segurança de alimentos em sua missão e vai dar a sua contribuição a esta inovação na alimentação escolar e de estímulo à economia e desenvolvimento locais por meio do projeto “Comunicação para a Popularização da Ciência e Tecnologia de Alimentos”, coordenado pela pesquisadora Renata Torrezan, em parceria com o Colégio Técnico da Universidade Rural, CTUR. Ainda este ano serão promovidos fóruns com esta temática em outras regiões do estado.


As informações são da assessoria de imprensa da Embrapa Agroindústria de Alimentos.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink