França cria meta para adoção de veículos "flex"
CI
Agronegócio

França cria meta para adoção de veículos "flex"

Pelo menos 15% de todos os veículos comprados neste ano devem usar combustível convencional misturado ao etanol
Por:

O primeiro-ministro da França, Dominique de Villepin, determinou que ao menos 15% de todos os veículos comprados pelo governo neste ano usem combustível convencional misturado ao etanol. Em 2008, essa proporção crescerá para 30% de todos os veículos novos, afirmou o governo em comunicado ontem. "Isso representa 1.500 veículos "flex" neste ano e 3.000 por ano a partir de 2008," disse uma fonte do governo à "Reuters".

Os veículos devem utilizar o E85, um combustível composto em 85% de etanol, um álcool derivado da beterraba ou de cereais. A França quer que o biocombustível responda por 5,75% de todas as vendas de combustível para veículos até 2008, 7% até 2010 e 10% em 2020 - acima das metas da UE (União Européia).

O governo francês decidiu em 2006 que o E85 teria isenções de impostos para ser vendido por volta de 0,80 o litro, mais barato que a gasolina. O governo afirmou ter aprovado medida para promover a instalação de bombas de E85 nos postos.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink