Frente fria provoca chuvas sobre o Sul do Brasil
CI
Imagem: Arquivo
AGROTEMPO

Frente fria provoca chuvas sobre o Sul do Brasil

Calor e umidade, favorecem pancadas de chuva no Norte e Centro-Oeste
Por: -Aline Merladete

Nesta quinta-feira (16/09) a frente fria continua atuando sobre o centro-sul do país, no entanto os índices de instabilidade são menores do que os registrados nos últimos dias. Deste modo a condição para tempo severo é pequena. As chuvas também serão regulares sobre a metade oeste do centro-oeste, assim como no oeste da região norte. Porém em algumas localidades ao norte do país, as chuvas serão volumosas e ocorrerão em um curto período de tempo. Ao norte e leste do nordeste, as pancadas estarão presentes, mas com intensidades variadas.

Na sexta-feira (17) a termodinâmica (calor e umidade) em conjunto com um ambiente bastante instável, vão contribuir para eventos extremos de chuva intensa em áreas do AC, do oeste do AM, no nordeste e litoral do PA, e no norte e litoral do MA. Também em áreas do oeste do PR, extremo norte do RS e no oeste de SC a chuva será intensa, devido a presença de uma região de baixa pressão que deverá contribuir para pancadas de chuva intensa e eventos extremos de tempo severo como granizo e vendavais em algumas localidades dessa área. Eventos extremos de acumulados de chuva acima de 50 mm também deverão ocorrer em algumas localidades do norte do RS, em grande parte de SC, em grande parte do PR (exceto no norte) e no litoral e Vale do Ribeira em SP, e em áreas do oeste do AC ao oeste do AM. A circulação de alta pressão em 5 km de altitude garantirá o tempo quente e seco na região central do Brasil onde os dias terão tardes bastante quentes, inclusive em áreas do oeste da Região Sudeste. No litoral leste do Nordeste o fluxo de umidade associada a um cavado provocaram chuva nos litorais, especialmente de SE ao RN, porém sem condições de gerar eventos extremos nos próximos dias. A passagem de outras instabilidades poderá provocar chuva em grande parte do Sul do país, especialmente do norte do RS ao PR no final de semana.

NOVIDADE: confira a plataforma completa de mapas aqui.

Saiba como fica o tempo em cada região: 

Região Norte
As chuvas sobre a região ficarão mais deslocadas para o oeste, e o padrão da circulação nas partes mais altas da atmosfera, juntamente com o calor e a grande quantidade de umidade disponível, favorecem a formação de temporais localmente fortes e com potencial para gerar acumulados acima dos 50 mm sobre o AC, oeste do AM e norte de RO. Entre a grande região de Belém e a Ilha do Marajó ao norte do PA, também há condições para chuvas volumosas que poderão ocorrer em um curto período de tempo. Sobre o sul do PA e TO, a condição para chuvas é menor, mas não descartada, na forma de pancadas fracas e isoladas. Mesmo com as chuvas, as temperaturas serão elevadas na parcela sul da região, com varias localidades registrando marcas próximas aos 40°C e sobre o sul do TO, o alerta também se estende para a baixa umidade do ar. 

Região Nordeste
A presença de um cavado - região alongada de baixa pressão - nos níveis mais altos da atmosfera, favorece a formação de instabilidades sobre a parte norte da região. Essas instabilidades de encontro com uma grande quantidade de umidade, favorece a formação de nuvens carregadas, sobretudo ao norte do MA onde as pancadas serão localmente fortes e ocorrerão em um curto período de tempo. Nas demais localidades, as chuvas serão mais fracas, pontuais e passageiras, situação válida também para o litoral leste da região. Sobre o sul do MA, sul do PI e oeste baiano, o tempo segue firme, quente e com baixos índices de umidade relativa do ar.

Região Centro-Oeste
A frente fria continua atuando sobre o sul do MS, e promovendo algumas chuvas localmente fortes. Inclusive sobre esta região, o calor alivia, ao passo que desde a metade norte do MS até o norte do MT as temperaturas serão elevadas, superando facilmente a marca dos 40°C. Na metade oeste do MT este calor, em conjunto com a umidade mais elevada, favorece a formação de nuvens carregadas, bem como na região do Pantanal sul matogrossense, promovendo algumas chuvas pontuais, mas sem provocar acumulados expressivos. Vale mencionar que no leste do MT, e praticamente todo o estado do GO, os índices de umidade serão muito baixos, atingindo níveis próximos dos 10% nos horários mais críticos.

Região Sudeste
A maior influência sobre a região será da massa de ar seco, favorecida pela circulação em 5 km de altitude, que impede a chegada de umidade, diminui a  condição para formação de nuvens carregadas e direciona o ar seco de cima para baixo. Deste modo, em praticamente todo o estado de MG e metade oeste de SP o tempo será seco, quente e com índices de umidade em níveis críticos. No entanto, a circulação de alta pressão na retaguarda da frente fria, que está posicionada ao sul, favorece a incursão da umidade do oceano no leste de SP, RJ, alguns pontos do ES e até mesmo no sul de MG. Porém as chuvas mais volumosas se concentram no litoral paulista, bem como um céu bastante fechado.

Região Sul
A frente fria fica estacionada sobre os estados de SC e PR, e também ao norte do RS, mantendo o dia com um tempo fechado e chuva a qualquer momento. Apesar disso, os índices de instabilidade não se mostram com valores expressivos hoje, diminuindo assim as condições para tempo severo nessas localidades. Sobre o RS, a atuação ainda será da região de alta pressão, garantindo assim um céu limpo e temperaturas amenas, contudo, superiores às registradas no dia anterior.

Veja os mapas destaques para hoje:

Chuva:

Temperatura Máxima:

Temperatura Mínima:

 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.