Frutas brasileiras conquistam Oriente Médio
CI
Imagem: Pixabay
OPORTUNIDADE

Frutas brasileiras conquistam Oriente Médio

A expectativa do setor é fechar o ano com faturamento de US$ 1 bilhão
Por: -Eliza Maliszewski

Os países do Oriente Médio descobriram o sabor das frutas brasileiras. Segundo a Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas) melão, uva, manga e limão tahiti são as principais frutas exportadas para a região, Ásia e Emirados Árabes.

De janeiro a outubro houve alta de 2,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Foram 725.759 mil toneladas. O maior destaque foi a manga, com 163 mil toneladas; em segundo aparece o melão com 155 mil toneladas e em terceiro os limões e limas com 105 mil toneladas. Ainda aparecem na lista a melancia (72 mil toneladas); banana (65 mil toneladas); maçãs (56 mil toneladas); mamão papaia (36 mil toneladas); uvas (29 mil toneladas) e laranja (2,8 mil toneladas).

Em 2019 os Emirados Árabes Unidos foram o maior importador dos países árabes, com 8,5 mil toneladas e mais de US$ 10 milhões em receita. Na segunda posição está a Arábia Saudita (3,5 mil toneladas e US$ 2 milhões) e em terceiro Omã (1,3 milhão de toneladas e US$ 953 mil). Ainda marcam presença Catar, Turquia, Líbano, Bahrein, Israel e Jordânia. No ranking mundial os Emirados Árabes Unidos passaram a ocupar a 13ª posição, a frente de França e Irlanda.

A expectativa do setor é fechar o ano com faturamento de US$ 1 bilhão e para 2021 o cenário é ainda mais favorável. O produtor de olho neste mercado deve observar as regras de certificação exigidas, como a certificação halal que atesta a segurança do alimento para o consumo muçulmano e que assegura que todo o processo atendeu às exigências da religião.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink