Agronegócio

Fundo português reserva 1 bilhão de euros para compras no Brasil

O Fundo Português de Carbono investirá 1 bilhão de euros na compra de créditos gerados no Brasil
Por: -Cibelle Bouças
2 acessos
O Fundo Português de Carbono - criado pelo governo lusitano em março para financiar a compra de créditos de carbono com vistas a atender as metas estabelecidas no Protocolo de Kyoto - investirá 1 bilhão de euros na compra de créditos gerados no Brasil. Entre 2008 e 2012, o volume de emissões de gases de efeito estufa (GEE) de Portugal não poderá ser mais que 27% maior do que as emissões feitas em 1990.


Hoje, o país já supera esse limite. O governo português estima que em 2010 emitirá 39% mais que em 1990 e, por isso, criou o fundo, que conta com recursos estatais e de investidores privados. O objetivo é negociar créditos de países de língua portuguesa (os CPLPs), ibero-americanos e da região da bacia mediterrânea.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink