Gafanhotos atacam lavoura de trigo
CI
Imagem: Governo de Córdoba
ALERTA

Gafanhotos atacam lavoura de trigo

Nuvens avançam rapidamente pela Argentina
Por: -Eliza Maliszewski

As cinco nuvens de gafanhotos que saíram do Paraguai avançam pela Argentina. Segundo o Serviço de Sanidade e Qualidade Agroalimentar do país (Senasa) a praga tem se deslocado com alta velocidade, dificultando o combate. Atualmente os grupos se encontram nas províncias de Tucumán, Salta, Santiago del Estero e Córdoba. Não há informações sobre o número de insetos e a extensão da nuvem. 

Os prejuízos já são percebidos em lavouras de trigo na região de Córdoba das quais os insetos se alimentam. Segundo o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) nesta safra a Argentina tem previsão de colher 20 milhões de toneladas, sendo a região de Córdoba uma das principais regiões produtoras.

Na última semana, técnicos argentinos emitiram alerta para que os produtores no Norte do país continuassem vigilantes. Eles realizaram uma aplicação aérea com químicos em Río del Valle, uma vila e município rural da província de Salta. O Senasa classificou a ação como “bem sucedida”, mas não precisou quanto da nuvem teria sido erradicada. Os insetos devem rumar para o sudeste do país.

O Rio Grande do Sul segue em alerta para a situação, mas a preocupação já é menor. A nuvem que estava a menos de 100 quilômetros de Barra do Quaraí (RS) foi extinta após operação das autoridades argentinas.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink