Gestão eficiente: o segredo do sucesso do confinamento São Lucas

Agronegócio

Gestão eficiente: o segredo do sucesso do confinamento São Lucas

Soluções da Cargill Alimentos-Nutron
Por:
3421 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.
Utilizando soluções da Cargill Alimentos-Nutron há quase uma década, o confinamento São Lucas foi destaque no Dia de Campo que encerrou a 7ª Interconf.
 
A experiência de um modelo de confinamento baseado na gestão com eficiência do negócio encerrou a sétima edição da Interconf, maior evento de pecuária intensiva da América Latina, realizado em Goiânia, em setembro. Durante o Dia de Campo, mais de 500 participantes conheceram de perto a experiência bem sucedida do Confinamento São Lucas, dos irmãos Alexandre e Gustavo Parise, localizado em Santa Helena de Goiás (GO).
 
O negócio, que funciona no modelo de uma indústria da carne, vem apresentando excepcional evolução ao longo anos, comprovada, por exemplo, pelo número de animais abatidos: em 2012 foram 9.960 cabeças; no ano passado, 38.120; e a perspectiva é fechar 2014 com mais de 50 mil cabeças terminadas.
 
Para Alexandre Parise, o principal diferencial do confinamento é a gestão e trabalho com eficiência, tendo em vista que a maioria dos confinamentos brasileiros tem como preocupação central o ganho de peso do animal. “Hoje priorizamos a conversão alimentar e a eficiência biológica. Nesse sentido, oferecemos a quantidade de comida necessária para o desempenho eficiente do animal, sem sobras. Prefiro até engordar um pouco menos, desde que tenha retorno financeiro”, destaca.
 
A Cargill Alimentos-Nutron é parceira do Confinamento São Lucas desde o início de suas atividades. “Conseguimos eficiência apoiados pela Cargill Alimentos-Nutron, com produtos nutricionais, consultoria dos técnicos da empresa e os programas Feed Manager e Feed Tracer”, destaca Alexandre Parise. Ele completa: “Os confinamentos precisam de eficiência superior para arcar com os custos operacionais e gerar resultados econômicos positivos”.
 
Desenvolvido pela Cargill Alimentos-Nutron, o programa Feed Tracer capta automaticamente os dados da alimentação dos animais e os envia para o computador na central de gestão, possibilitando o monitoramento da quantidade de comida no cocho, além de manter sempre a quantidade exata de alimentação necessária aos animais. O software Feed Tracer auxilia o controle das informações relacionadas aos insumos, como o tipo de dieta e o momento certo de oferecer cada ingrediente ao gado no confinamento. As informações são coletadas e transmitidas automaticamente para o Feed Manager, com agilidade, precisão e qualidade das informações.
 
“Um dos pontos fortes do Confinamento São Lucas é o controle e monitoramento de todo o negócio, com registro de todos os dados. Para isso, utilizamos inovações tecnológicas, como Feed Manager e Feed Tracer. O importante não é simplesmente crescer. É crescer com eficiência e, para isso, é inevitável acompanhar a evolução tecnológica do Brasil e do mundo”, destaca Alexandre Parise.
 
Outro ponto forte do negócio dos irmãos Parise é a preocupação com a produção sustentável: 100% dos resíduos sólidos do confinamento são tratados e transformados em insumos para utilização na agricultura e também colocados à venda, além do reflorestamento realizado na propriedade.
 
Os dados sobre o Confinamento São Lucas no dia de campo da Interconf foram apresentados pelo zootecnista e gerente global de tecnologia bovinos de corte da Cargill Alimentos-Nutron, Pedro Veiga. Ele falou sobre a estrutura e desempenho de animais, reforçando a necessidade de intensificação da pecuária para garantir a sustentabilidade econômica da atividade. “Com o uso correto das mais modernas tecnologias disponíveis e parcerias de sucesso, o confinamento produz uma arroba competitiva e mantém elevados índices de produtividade. É isso o que o São Lucas busca”, destaca Pedro Paulino.
 
“O Confinamento São Lucas é uma propriedade modelo. Existe planejamento, procedimentos padronizados, organização, eficiência na gestão e excelentes índices zootécnicos. Acredito que os participantes do dia de campo puderam aprender muito com a equipe da fazenda”, afirma Bruno Andrade, gerente executivo da Assocon.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink