Governador oficializa portaria que institui cadastro ervateiro gaúcho

Agronegócio

Governador oficializa portaria que institui cadastro ervateiro gaúcho

O governador Ivo Sartori, acompanhado do chefe de gabinete, João Carlos Mocellin, receberam as entidades da cadeia produtiva da erva-mate
Por:
600 acessos

Em reunião no Palácio Piratini, na segunda-feira (23/05), o governador José Ivo Sartori, acompanhado do chefe de gabinete, João Carlos Mocellin, receberam as entidades representativas da cadeia produtiva da erva-mate, ocasião em que foi assinada a portaria que institui o Cadastro Ervateiro Gaúcho. Participaram da reunião o secretário estadual da Agricultura, Ernani Polo, o presidente do Ibramate, técnico da Emater/RS-Ascar Valdir Pedro Zonin, o diretor do Ibramate, Roberto Ferron, o secretário executivo do Fundomate, Tiago Fick, além de representantes das associações de produtores, indústrias, viveiristas, Fetag-RS, Famurs, universidades, prefeitos municipais dos polos produtivos, secretários, vereadores, dentre outras representações. 

Ao receber os representantes dos elos da cadeia produtiva da erva-mate das regiões produtoras, Sartori lembrou que o consumo da erva-mate é uma tradição que se confunde com a vida do Rio Grande do Sul. ?Todos sabemos da importância da erva-mate para o estado, seja pelo consumo, como também pela produção, em que a maior parte do plantio é feita por pequenos agricultores e constitui uma fonte de renda permanente?, acrescentou. Sartori elogiou a iniciativa da cadeia da erva-mate que, através do Instituto Brasileiro da Erva-mate (Ibramate), com auxílio de técnicos da Secretaria da Agricultura, Universidade Federal de Santa Maria e outras parcerias, conseguiram criar uma ferramenta que possibilitará a obtenção de dados mais precisos sobre o cultivo da erva-mate no Estado, assim como tornará possível o planejamento de Gestão de Estado, capacitação, organização e fortalecimento desta importante cultura da nossa tradição. Disse também que o Estado é parceiro nas demandas desta cadeia produtiva.

Por sua vez, o secretário Estadual da Agricultura, Ernani Polo, ao assinar a portaria, ressaltou que o RS possui a partir de agora ?uma importante ferramenta para obtenção de dados e informações para uma de suas culturas mais características - a erva-mate?. A criação do cadastro é uma inovação, ?que permitirá a potencialização do setor da erva-mate e consequentemente, seu crescimento e contribuição com a economia do estado?. 
Já o Agrônomo da Emater/RS-Ascar, Valdir Zonin, agradeceu em nome do Ibramate e da Cadeia Produtiva a oficialização do cadastro e a oportunidade de debater com o Governador Sartori temas relevantes da erva-mate, e também falou do desafio conjunto na expansão do mercado consumidor e do equilíbrio entre os elos da cadeia produtiva, já que o atual momento não é bom para a categoria dos agricultores. 

O diretor do Ibramate, Roberto Ferron, informou também que o Instituto encomendou à UFSM um aplicativo eletrônico, denominado GEOMATE. Trata-se de um "sistema moderno de gestão e controle", que possibilitará ter em tempo real e georeferenciado, os dados e informações úteis para planejar toda a produção agrícola a campo, entrada de matéria prima, classificação do produto, e a produção industrial da erva-mate. Assim, como os produtores terão disponíveis planilhas de custos, de produção, de receitas e lucros. Além, de terem disponíveis, na forma eletrônica, e que poderão ser acessadas via computador ou celular smarphfone, manual de boas praticas de produção agrícola, cartilhas de orientação técnica sobre qualidade e procedências de mudas, implantação e manejo dos ervais, e produção de qualidade e de forma sustentável.

A Emater/RS-Ascar é entidade parceira da cadeia produtiva da erva-mate, destacando-se nos serviços de Aters aos mais de 13.000 agricultores que produzem erva-mate, além dos serviços de classificação, apoio à legalização e às boas práticas de fabricação nas agroindústrias. O momento atual e o mercado consumidor exigem um grande desafio na construção e viabilização de práticas de manejo, buscando a sustentabilidade do cultivo. 

O Cadastro Ervateiro é um aplicativo C7 ILEX que foi elaborado pela Universidade Federal de Santa Maria, mediante Convênio de Cooperação com o Ibramate/Fundomate, que propiciará fazer o cadastramento e georreferenciamento dos produtores, ervateiras e viveiros de erva-mate, além das árvores superiores - futuras árvores matrizes. Esta prática possibilitará um correto e atualizado diagnóstico da cadeia ervateira, permitindo com isso nortear, priorizar e otimizar a adoção de políticas públicas. 

Nos próximos dias as entidades da cadeia produtiva da erva-mate juntamente com governo e as demais parcerias irão definir a estratégia de implantação desta ferramenta.

Neste mesmo dia, em reunião na Seapi, foram encaminhados os temas do APL - Arranjo Produtivo Local nas regiões produtoras (parceria SDECE e UPF), do Centro Tecnológico Vocacional da Erva-Mate e da entrega oficial do Veículo ao Ibramate (recursos Fundomate).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink