Governo do Rio de Janeiro lança mapa sobre mudanças climáticas

Agronegócio

Governo do Rio de Janeiro lança mapa sobre mudanças climáticas

Os impactos das mudanças climáticas nos municípios fluminenses já podem ser medidos
Por:
2192 acessos
Os impactos das mudanças climáticas nos municípios fluminenses já podem ser medidos. Em três deles, no Rio de Janeiro, em Angra dos Reis e Paraty, destaca-se o elevado índice de vulnerabilidade ambiental, segundo pesquisa da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), apresentada nesta quinta-feira (24) em seminário na sede da Secretaria Estadual do Ambiente.


O Mapa de Vulnerabilidade da População do Estado do Rio de Janeiro aos Impactos das Mudanças Climáticas nas Áreas Social, Saúde e Ambiental sintetiza aspectos ambientais, sociais e de saúde humana sensíveis à variabilidade climática, associados a cenários futuros de mudança global do clima. Na pesquisa, foram considerados os dados climáticos de 1960-1990 e os projetados para o período 2010-2040.


Segundo o secretário estadual do Ambiente, Carlos Minc, os municípios do estado receberão a pesquisa, que deverá ser incorporada aos planos diretores de suas cidades, para que elas possam se adaptar aos impactos da mudança do clima.

Segundo a coordenadora do projeto, Martha Macedo de Lima, foram adotados quatro índices para mensurar as condições de vulnerabilidade de cada município: saúde; social da família; ambiental; de cenários climáticos.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink