Governo poderá autorizar leilões para apoiar comercialização de trigo

Agronegócio

Governo poderá autorizar leilões para apoiar comercialização de trigo

Medida visa a garantir ao produtor pagamento do preço mínimo do cereal
Por:
400 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Medida visa a garantir ao produtor pagamento do preço mínimo do cereal

A medida que permite o lançamento de leilões de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro) e Prêmio para Escoamento do Produto (Pep) para apoiar a comercialização de trigo da safra 2016/2017 está tramitando na área econômica do governo federal.

Uma portaria interministerial, assinada pelos Mapa e pelos ministérios da Fazenda e Planejamento, deverá ser publicada no Diário Oficial da União para que a medida entre em vigor.

De acordo com a Secretária de Política Agrícola do Mapa, o objetivo dos leilões é garantir o preço mínimo ao produtor neste momento em que o mercado está com cotações abaixo do preço mínimo, de R$ 644,17/t ou R$ 38,65/saca” para o trigo pão tipo 1.

Os leilões serão realizados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Do Pepro, poderão participar produtores rurais e cooperativas. Eles deverão comprovar a venda do produto para receber a subvenção do governo federal.

Ainda segundo a SPA, podem participar do Pep agentes econômicos – moinhos, comerciantes, indústrias de beneficiamento e indústrias de ração – que se dispõem a adquirir o produto pelo preço mínimo. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink