Grupo Gerdau lança prêmio Melhores da Terra

Agronegócio

Grupo Gerdau lança prêmio Melhores da Terra

Empresa lança 23ª edição do Prêmio Melhores da Terra, que avalia e destaca equipamentos usados na produção
Por:
1 acessos

A melhoria do desempenho do setor agrícola brasileiro nos últimos anos é fruto de um conjunto de fatores que dão suporte aos processos produtivos. As máquinas e implementos agrícolas têm fundamental importância nesse contexto, ajudando os produtores a obter melhor desempenho no plantio, no manejo e na colheita. Para estimular o contínuo avanço dos equipamentos, o Grupo Gerdau, de Porto Alegre, instituiu o Prêmio Melhores da Terra que, ao longo de 23 anos, vem contemplando os melhores produtos utilizados no campo pelos agricultores.

A iniciativa envolve especialistas, professores, técnicos e pesquisadores voltados ao segmento da mecanização agrícola que, todos os anos, percorrem milhares de quilômetros e visitam centenas de fazendas para ouvir dos produtores a sua opinião sobre o desempenho dos equipamentos. É com base nessa amostragem que as máquinas e implementos inscritos são avaliados, classificados e premiados. Nos primeiros 20 anos, o Prêmio Melhores da Terra se limitava ao Brasil, mas com o avanço do Mercosul, o Grupo decidiu estendê-lo à Argentina. Este ano, fará o lançamento também no Chile, o que demonstra sua importância para o agronegócio.

Força argentina:

A 23ª edição do prêmio foi lançada na semana passada em San Pedro, Província de Buenos Aires (Argentina) durante a realização da Feriagro, mostra que reuniu mais de 700 expositores de máquinas, implementos, insumos, veículos e serviços e recebeu visita de 70 mil pessoas. De acordo com o professor Luiz Fernando Coelho de Souza, coordenador do Prêmio, no ano passado a Argentina teve efetiva participação, com 20% dos equipamentos inscritos na Categoria Destaque. O presidente do Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária (Inta), Carlos Cheppi, esteve presente, já que a instituição de pesquisa apóia a iniciativa.

Além dessa, o prêmio possui duas outras categorias: Pesquisa e Desenvolvimento e Novidade. O objetivo é estimular a inscrição de trabalhos científicos realizados por estudantes e profissionais da mecanização agrícola, de modo a tornar seus trabalhos reconhecidos e divulgados e apoiar a adoção das tecnologias pelos produtores rurais, sempre buscando a melhoria dos processos produtivos. No caso da categoria Novidade, as inscrições implicam participação dos fabricantes na Exposição de Esteio/RS (Expointer), realizada no fim de agosto, quando são feitos os lançamentos.

É também na Expointer que o resultado anual do prêmio é anunciado. Em 2004 foram inscritos 102 equipamentos e trabalhos científicos nas três categorias. Os membros da Comissão percorreram 81 mil quilômetros e visitaram 642 usuários em 385 municípios do Brasil e da Argentina. Somente neste país, foram ouvidos 76 produtores. As entrevistas e observações compõem um perfil detalhado de cada produto inscrito. Esse relatório, de caráter confidencial, é entregue ao fabricante, contribuindo para o aperfeiçoamento do produto.

As inscrições de equipamentos e de trabalhos científicos podem ser feitas no site www.melhoresdaterra.com.br. Para saber mais, ligue (51) 3323-2422.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink