Heinze pede mobilização para aprovar mudanças no Código

Agronegócio

Heinze pede mobilização para aprovar mudanças no Código

O deputado avalia a decisão como uma grande vitória do setor, porém, cobra mobilização para mudar alguns artigos do relatório
Por:
855 acessos
Depois de várias mudanças e ainda sem consenso para votar o texto do deputado Aldo Rebelo (PCdoB) que propõe mudanças na legislação ambiental brasileira, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou na terça-feira, dia 3, o regime de urgência para analisar a matéria. O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS), único parlamentar gaúcho que compõe a Comissão Especial do Código Florestal, avalia a decisão como uma grande vitória do setor, porém, cobra mobilização para mudar alguns artigos do relatório.

Entre os principais pontos que precisam ser alterados, Heinze destaca a isenção da reserva legal para os pequenos produtores com propriedades de até quatro módulos fiscais e áreas já consolidadas com o plantio agrícola ou produção pecuária. “Caso a decisão do governo seja mantida, estaremos decretando o fim de várias culturas, da produção pecuária e o fechamento de milhares de propriedades rurais”.

O deputado alerta ainda para a necessidade do setor rural e dos demais segmentos da economia, cobrarem apoio de seus deputados para aprovarem as modificações na proposta. “Todos que puderem nos ajudar que entrem em campo. Isso é fundamental para o bem da economia de nossos municípios. Precisamos de pressão em cima de quem não conhece e de quem não entende da matéria”, defende.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink