Ibama autoriza obras da Fico
CI
Imagem: Pixabay
CENTRO-OESTE

Ibama autoriza obras da Fico

Traçado vai ligar Mara Rosa (GO) e Água Boa, pela região Araguaia em Mato Grosso
Por: -Eliza Maliszewski

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) concedeu a licença para o início das obras da Ferrovia de Integração Centro-Oeste (FICO). Com isso está liberado o trecho entre entre Mara Rosa (GO) e Água Boa (MT) e as obras podem começar em 2021. Serão 383 km que vão interligar o Vale do Araguaia, região produtiva e em desenvolvimento do Mato Grosso, com a Ferrovia Norte-Sul, o que vai favorecer o escoamento da safra aos portos de Santos (SP), de Itaqui (MA) e, no futuro, também em Ilhéus. 

No total, o empreendimento conta com obras em 12 municípios, que serão realizadas pela Vale, por meio de investimentos cruzados, a partir da outorga da prorrogação antecipada do contrato da Estrada de Ferro Vitória-Minas (EFVM). A estimativa é que sejam investidos R$ 2,73 bilhões nas obras. Em 2025, a ferrovia será capaz de movimentar cerca de 13 milhões de toneladas úteis. A previsão é que, ao longo do contrato de concessão, sejam gerados 116 mil empregos.

O Ibama exigiu programas voltados para a conservação da flora, fauna, gerenciamento de resíduos sólidos, monitoramento da qualidade da água, plantio compensatório e prevenção a queimadas. O trecho da Fico é considerado um dos mas sustentáveis e o traçado não atinge nenhuma unidade de conservação ou comunidade. 

Na segunda etapa, a previsão é que sejam feitos 518 quilômetros de trilhos entre Água Boa e Lucas do Rio Verde, onde será construído um terminal de cargas. A terceira etapa da ferrovia abrange um trecho de 740 quilômetros de Lucas até o município de Vilhena (RO). No total, a ferrovia deve ter um traçado de 1.638 quilômetros.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink