IICA pede mais atenção à agricultura na Rio+20
CI
Agronegócio

IICA pede mais atenção à agricultura na Rio+20

Em documento, IICA chama a atenção para a importância estratégica do setor agropecuário e sua contribuição ao desenvolvimento sustentável
Meio principal de ganhar a vida de 20% da população, a agricultura não figura entre os temas principais do evento internacional. Em documento, IICA chama a atenção para a importância estratégica do setor agropecuário e sua contribuição ao desenvolvimento sustentável

O IICA lançou, no último dia 11, a nota técnica Como se relaciona a agricultura com a Rio+20? com o objetivo de destacar o papel essencial da agricultura para o desenvolvimento sustentável e chamar a atenção para a importância da discussão do tema na Rio+20. De acordo com o Instituto, o tema agricultura não figura explicitamente na agenda do evento internacional apesar da sua relação fundamental com o uso dos recursos naturais edo desenvolvimento econômico e social dos países.

“A agricultura é muito mais que uma atividade imprescindível para a produção de alimentos: é o meio principal de se ganhar a vida de, no mínimo, 20% da população e, também, um fator fundamental na relação humano-ambiente. Por isso, o papel insubstituível da agricultura no desenvolvimento sustentável do planeta merece a atenção das delegações nacionais, de forma que os compromissos assumidos na Rio+20 possam se plasmar em decisões informadas e soluções efetivas para os grandes desafios que enfrentam os países, o mundo e a humanidade em conjunto”, aponta o Instituto em trecho na nota técnica.

No documento, o IICA afirma considerar a Rio+20 uma oportunidade para analisar o papel atual do setor agropecuário e para conseguir que as futuras orientações do setor contribuam para o desenvolvimento sustentável mundial.

Ainda na nota técnica, o Instituto mostra como a agricultura pode contribuir com o desenvolvimento sustentável das economias nacionais a partir da apresentação de três eixos: Agricultura Sustentável, Recursos Naturais e Economia Verde; Agricultura e Mudanças Climáticas; e Segurança Alimentar e Agricultura Familiar.

Leia a nota técnica na íntegra aqui (em espanhol)

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink