Agronegócio

Imea aponta “tímida” queda no preço do algodão em Mato Grosso

O valor do algodão sofreu um leve decréscimo em Mato Grosso
Por:
1156 acessos
O valor do algodão sofreu um leve decréscimo em Mato Grosso. O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) informou, ontem, com base em números da semana passada, que o preço acabou fechando com baixa de 0,2% no mercado interno. Isso teria ocorrido por causa da paridade do preço de exportação, e pela maior oferta de pluma disponível, ficando em R$ 65,40 a arroba em Campo Verde e R$ 64,90 em Nova Mutum.


No mercado futuro, o instituto destacou na Bolsa de Mercadorias de Nova Iorque (ICE Futures) fechou cents de US$ 84,52/lp com pequena alta de 0,2% para o contrato de dezembro de 2013, porém encerrou as operações desta sexta- feira (20),  em queda diária de 1% e o menor volume de contratos negociados no mês (6.479).


A indústria de forma geral, segundo o Imea, procurou a pluma no mercado interno, mas comprou em pequenos lotes, aguardando condições de mercado favoráveis para completar o suprimento das indústrias. Para os próximos meses, o comportamento dos preços em Mato Grosso deve continuar arbitrado pela demanda interna, visto que o comércio interno está remunerando melhor o produtor do que as exportações, mesmo com o câmbio desvalorizado, cotado a R$ 2,24.


Nas exportações, segundo o Imea, entre janeiro e agosto os embarques de algodão em pluma chegaram a 183,5 mil toneladas originados no Estado. A Indonésia foi o país que mais importou, com 23% das compras, ou 41,7 mil toneladas importadas, a Coreia do Sul teve 22%, ou 40,75 mil toneladas de participação nas exportações.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink