Importação de soja da Argentina fecha em alta

MERCADO

Importação de soja da Argentina fecha em alta

"Os produtores esperam um retorno às condições normais ou médias, o que suportará maiores rendimentos"
Por: -Leonardo Gottems
121 acessos

Um relatório divulgado no dia 4 de dezembro pela Rede Global de Informações Agrícolas (GAIN) do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) indicou que as importações de soja da Argentina fecharam em alta no último ano. Com a oferta doméstica de soja baixa devido à recente seca, a Argentina importou mais de 3,5 milhões de toneladas de soja em 2017/2018, um aumento de 135% em relação ao ano anterior. 

Corretores locais estimam que as importações podem chegar a 5,5 milhões de toneladas até o final da campanha, disse o USDA. Com o clima melhorando, o USDA projetou a produção de 2018/2019 de soja em 56 milhões de toneladas, substancialmente acima dos estimados 36 milhões de toneladas em 2017-18. "Os produtores esperam um retorno às condições normais ou médias, o que suportará maiores rendimentos", disse o USDA. 

Enquanto isso, continua havendo uma tendência de alta nas exportações de soja devido, em parte, à recente eliminação do diferencial de imposto de exportação entre soja e farelo de soja e petróleo. De acordo com o Departamento, a Argentina está se relacionando muito bem com os outros países e fazendo uma política externa bastante lucrativa. 

O USDA disse que esta política, juntamente com a situação das tarifas comerciais EUA-China, “está desestimulando o processamento da soja e incentivando maiores exportações de soja integral. Como resultado, a Argentina está importando soja para processamento do Paraguai, dos Estados Unidos, do Brasil e do Uruguai, em um esforço para atingir níveis históricos de esmagamento”, conclui o relatório do Departamento norte-americano.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink