Incêndio em fábrica da UPL deixa 24 feridos
CI
Imagem: Reprodução de TV
ÚLTIMA HORA

Incêndio em fábrica da UPL deixa 24 feridos

Explosão pode influenciar a produção de Glufosinato e Clethodim
Por: -Leonardo Gottems

Uma grande explosão nas primeiras horas desta terça-feira (23 de Fevereiro) provocou um incêndio de grandes proporções na fábrica da UPL de Jhagadia, distrito de Bharuch (Índia). Pelo menos 24 pessoas ficaram feridas no incidente e até agora nenhuma morte foi confirmada, disseram as fontes oficiais.

Conforme o relatório das autoridades de proteção civil, a planta estava vazia, sem atividade: “Nossa equipe de resposta a emergências e brigada de incêndio local já controlaram o fogo. As 21 pessoas no local receberam tratamento no hospital e 13 já receberam alta com pequenos tratamentos. Agradecemos à administração local e ao corpo de bombeiros por seu apoio oportuno”.

A explosão pode influenciar a produção de Glufosinato e Clethodim, de acordo com o portal especializado AgroPages: “A instalação em Jhagadia é totalmente automatizada e controlada por DCS, incluindo as mais recentes tecnologias de processo na indústria química. A unidade produz Clethodim, um dos maiores herbicidas seletivos de pós-emergência do mundo, usado para controlar gramíneas anuais e perenes em uma ampla variedade de culturas. O Clethodim foi trazido para o portfólio de produtos UPL por meio da aquisição da Arysta LifeScience”.

Além deste ingrediente ativo, a UPL também utiliza os resíduos do processamento de Pendimethalin e Glufosinato em subprodutos vendáveis nesta Unidade de Jhagadia 5. A fábrica localizada na Índia é a maior unidade de fabricação da empresa, com uma capacidade acumulada de 240.000 toneladas por ano.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink