Indefinição chinesa pressiona soja no Brasil

MERCADO FÍSICO

Indefinição chinesa pressiona soja no Brasil

Há boas perspectivas na safra brasileira (em que pese as ameaças de seca em algumas regiões)
Por: -Leonardo Gottems
733 acessos

Segundo apurou a pesquisa diária do Cepea, os preços da soja no mercado físico brasileiro fecharam a quinta-feira (20.12) com preços da soja caindo 1,71% nos portos brasileiros, passando para R$ 80,11/saca e aumentando as perdas do mês de dezembro para 3,23%. No interior os preços médios caíram 0,70%, para R$ 74,90/saca, aumentando as perdas mensais de dezembro para 3,78%.

A pressão sobre as cotações veio com a queda de 0,53% no Dólar e de 0,72% na cotação da Bolsa de Chicago. “A indefinição chinesa sobre as compras de soja americana e as boas perspectivas da safra brasileira (em que pese as ameaças de seca em algumas regiões) são os motivos da queda dos preços da soja. A análise dos gráficos mostra claramente a tendência dos preços da soja no Brasil”, explica o analista Luiz Fernando Pacheco, da T&F Consultoria Agroeconômica.

CLIMA

“Os mapas climáticos atualizados hoje trazem a gradual volta das chuvas sobre as regiões afetadas pelas estiagens da última semana, principalmente em regiões do Centro-Sul brasileiro. Nos próximos 5 dias, índices pluviométricos entre 40-65mm acumulados são projetados para o norte do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná”, aponta relatório da Consultoria AgResource.

“Além do mais, precipitações um pouco mais amenas (entre 20-40mm) são previstas para São Paulo, as extremidades do Mato Grosso do Sul, centro-oeste do Mato Grosso e o extremo sul de Goiás, no mesmo período. A região do MATOPIBA continua sem chuvas no radar até o Natal. A ARC lembra que há pontos de safra verão sofrendo gravemente com o estresse hídrico, entretanto os prejuízos poderão ser amenizados com a volta e regularização das chuvas neste fim de dezembro e começo de janeiro”, conclui a AgResource.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink