Infocafé de 01/11/18

Infocafé

Infocafé de 01/11/18

Bolsa de N.Y. finalizou a quinta-feira com forte alta
Por:
44 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente

A bolsa de N.Y. finalizou a quinta-feira com forte alta, a posição dezembro oscilou entre a mínima de -0,10 pontos e máxima de +5,50 fechando com +5,10 acumulando até hoje -1,85 pts na semana. Amanhã será feriado no Brasil mas a bolsa de N.Y. operará normalmente. 

O dólar comercial fechou em queda de 0,76%, cotado a R$ 3,6940. Apesar de cair no dia, a moeda norte-americana acumulou alta de 1,09% na semana. Nesta sexta-feira (2), os mercados não abrirão por conta do feriado de Finados. Os investidores acompanham as movimentações em torno da formação do governo de Jair Bolsonaro (PSL), na primeira semana após o segundo turno das eleições. O juiz federal Sergio Moro declarou que aceitou o convite do presidente eleito para ser ministro da Justiça no novo governo. O mercado acompanha também a temporada de balanços de empresas no início do mês de novembro. Na manhã desta quinta-feira, o Bradesco informou aumento de 13,7% no lucro do terceiro trimestre sobre o mesmo período do ano anterior, para R$ 5,471 bilhões. O Banco Central vendeu nesta sessão 13,6 mil contratos de swap cambial tradicional, equivalente à venda futura de dólares. Desta forma, rolou US$ 680 milhões do total de US$ 12,217 bilhões que vence em dezembro. Se mantiver essa oferta diária e vendê-la até o final do mês, terá feito a rolagem integral. Na quarta-feira (31), o BC manteve taxa básica de juros (Selic) no seu menor nível, de 6,5% ao ano. 

As exportações de café globais subiram 7,8 por cento em setembro, na comparação anual, para 9,43 milhões de sacas de 60 quilos, mostraram dados da Organização Internacional do Café (OIC) nesta quinta-feira. Os embarques de café arábica no mês somaram 6,11 milhões de sacas, alta 6,7 por cento ante o ano passado, enquanto os de robusta cresceram 9,8 por cento, para 3,32 milhões de sacas. No fechado da temporada 2017/18, que foi de outubro de 2017 até setembro de 2018, as exportações de café aumentaram 2 por cento, para 121,88 milhões de sacas. As exportações mundiais de café arábica em 2017/18 chegaram a 76,66 milhões de sacas, uma aumento de 0,8 por cento, enquanto as de café robusta totalizaram 45,22 milhões de sacas no período, ganho de 4,1 por cento.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink