Infocafé de 08/12/20
CI
Imagem: Pixabay
INFOCAFÉ

Infocafé de 08/12/20

N.Y. finalizou a terça-feira com leve alta
Por:

N.Y. finalizou a terça-feira com leve alta, a posição março oscilou entre a mínima de -0,75 pontos e máxima de +1,25 fechando com +0,15 pts. O dólar fechou em alta de 0,16%, cotado a R$ 5,1265. No exterior, os investidores seguem na expectativa de um acordo comercial do Brexit com a União Europeia e da aprovação de um novo pacote de estímulo nos Estados Unidos.

Por aqui, o IBGE divulgou mais cedo a inflação oficial do país em novembro: pressionado pela alta nos preços dos alimentos e combustíveis, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, avançou 0,89%, acima do esperado pelo mercado. No foco dos investidores segue também as incertezas sobre a aprovação de medidas e reformas estruturais para garantir a saúde fiscal do país e o controle da dívida pública.

A produção de café da Colômbia recuou 4% em novembro ante igual período do ano anterior, para 1,44 milhão de sacas de 60 kg, devido à menor comercialização em meio às medidas sanitárias impostas para evitar a disseminação do coronavírus, informou nesta segunda-feira a Federação Nacional de Cafeicultores. Por outro lado, as exportações de café do país, maior produtor global de arábica lavado, avançaram 9%, a 1,27 milhão de sacas.

Entre janeiro e novembro, a produção acumulou uma queda de 7%, somando 12,1 milhões de sacas, enquanto nos últimos 12 meses houve retração de 4%, a 13,8 milhões de sacas, detalhou a federação em comunicado. As exportações entre janeiro e novembro caíram 9%, a 11,2 milhões de sacas, e nos últimos 12 meses tiveram baixa de 7%, alcançando 12,5 milhões de sacas. A Colômbia iniciou em agosto a colheita de sua principal safra de café do ano, na qual espera produzir até 7,8 milhões de sacas, em meio ao desafio representando pela pandemia de coronavírus, que exige altos níveis de segurança. O país, terceiro produtor mundial após Brasil e Vietnã, colheu 14,8 milhões de sacas em 2019, maior nível dos últimos 27 anos. Para este ano, espera-se uma produção de cerca de 14 milhões de sacas. Fonte: Reuters.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink