Infocafé de 21/08/20
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,676 (-0,11%)
| Dólar (compra) R$ 5,47 (1,26%)

Imagem: Pixabay

INFOCAFÉ

Infocafé de 21/08/20

A bolsa de N.Y. finalizou a sexta-feira em alta
Por:
36 acessos

A bolsa de N.Y. finalizou a sexta-feira em alta, a posição setembro oscilou entre a mínima de -2,05 pontos e máxima +1,85 fechando com +1,55 acumulando na semana +5,40 pts.

A moeda norte-americana subiu 1%, cotada a R$ 5,6078. Na semana, a moeda norte-americana acumulou avanço de 3,29%.Na noite desta quarta-feira, a Câmara dos Deputados manteve o veto do presidente Jair Bolsonaro à concessão de reajuste a servidores públicos. A decisão, que evita um impacto superior a R$ 120 bilhões nas contas públicas, foi tomada depois que o Senado votou no dia anterior pela derrubada da proibição, em uma derrota para o governo. O Ministério da Economia comemorou a votação, afirmando que uma derrubada do veto traria "graves consequências".

Na quarta-feira, o ministro Paulo Guedes havia dito que o Senado deu "um péssimo sinal" e classificou a decisão como "um crime contra o país". “Apesar da vitória expressiva do governo na Câmara, retornamos ao antigo ditado: ‘tudo certo, nada resolvido’”, diz o economista-chefe da Infinity Asset, Jason Vieira. Para ele, “o governo continua refém de suas próprias escolhas políticas e deve concentrar agora os esforços na aprovação das reformas, em especial a tributária e a administrativa”.

No exterior, o viés emitido pelos mercados ainda é de cautela. Os sinais de que a recuperação da atividade econômica global não deve ser em um ‘V’ absoluto começaram a dar as caras de forma mais clara. No Japão, o índice de gerentes de compras (PMI) composto mostrou estagnação em níveis contracionistas para a atividade em agosto. Já na zona do euro, os resultados mostraram que a recuperação empresarial desacelerou em agosto na zona do euro, particularmente no setor de serviços, prejudicada por sinais de aumento nos casos de coronavírus em várias países.

Com a frente fria chegando ao Estado de Minas Gerais, ocorrerão chuvas significativas no Sul e na Zona da Mata e, com menor intensidade, no Cerrado Mineiro durante este final de semana. Também há previsão para precipitações expressivas no Espírito Santo no final desta e no início da semana que vem. As informações foram passadas pelo meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia, Francisco de Assis, para o "Alerta Inmet" emitido nesta sexta-feira, 21 de agosto, como ação dos acordos de cooperação firmados pelo Conselho Nacional do Café (CNC) com a Associação Brasileira das Entidades Estaduais de Assistência Técnica e Extensão Rural (Asbraer) e o próprio organismo meteorológico.

Em relação ao frio, Assis aponta que as temperaturas devem começar a cair, no início da próxima semana, nas regiões Sul, Sudeste e Zona da Mata de Minas, podendo chegar aos valores mais baixos no dia 25 de agosto, que devem ficar em torno de: 2o C em Poços de Caldas; 4o C em Passa Quatro; 5o C em Varginha, São Lourenço e Patrocínio; 6o C em Passos e Alfenas; e 7o C em Machado. O “Alerta Inmet” integra as iniciativas dos acordos de cooperação que o CNC firmou com a Asbraer e o Instituto Nacional de Meteorologia, os quais, além de aperfeiçoar os serviços de assistência técnica e extensão rural e promover a implantação de novos métodos ou processos de trabalho, também traz informações relevantes a produtores, cooperativas e associações da cafeicultura brasileira para planejar, desenvolver e otimizar a produção e a renda. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink