Infocafé de 29/11/18

Infocafé

Infocafé de 29/11/18

N.Y finalizou a quinta-feira em baixa
Por:
28 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

N.Y finalizou a quinta-feira em baixa, a posição março oscilou entre a máxima de +1,25 pontos e mínima de -2,00 fechando com -1,60 pts. 

O dólar comercial fechou em alta de 0,43%, cotado a R$ 3,8570. Investidores estavam preocupados após o Senado adiar novamente a votação do projeto de lei que autoriza a venda de blocos para exploração de petróleo no pré-sal, a chamada cessão onerosa. Integrantes do atual e do futuro governo discutem uma maneira de dividir parcela dos recursos a serem obtidos com a aprovação do projeto entre estados e municípios. Segundo presidente da Casa, senador Eunício Oliveira (MDB-CE), ainda há resistências por parte do governo atual, por entender que a medida poderia ferir o teto de gastos. O leilão do pré-sal poderia gerar receita de até R$ 130 bilhões para a União, o que ajudaria as contas do governo no ano que vem.   O Banco Central vendeu nesta sessão os 13,14 mil contratos de swap cambial tradicional, equivalente à venda futura de dólares, que faltavam para concluir a rolagem de US$ 12,217 bilhões que vencem em dezembro.

Assim como nas duas últimas sessões, o BC realizou leilão de linha extra para aumentar a oferta de dólar no mercado. Desta vez, a rolagem foi no total de US$ 1,25 bilhão que vencem em 4 de dezembro. No exterior, investidores analisavam dados sobre a economia dos Estados Unidos. Nesta quinta, o núcleo do índice de preços PCE dos EUA, principal medida acompanhada pelo banco central do país, ficou abaixo do esperado, indicando que a pressão inflacionária no país diminuiu. Essa leitura reforça ainda mais o discurso da véspera do presidente do Fed (Federal Reserve, o banco central dos EUA), Jerome Powell, sinalizando que os aumentos de juros podem ser mais lentos do que se esperava inicialmente. Juros maiores nos EUA podem atrair para lá recursos atualmente aplicados em outras economias, como a brasileira. 
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink