Inicia o vazio sanitário em TO
CI
VAZIO SANITÁRIO

Inicia o vazio sanitário em TO

A medida é para prevenir e controlar a ferrugem asiática, principal praga que atinge a cultura da soja
Por:

A partir deste domingo (1º) começa o período do vazio sanitário da soja no Tocantins. Até o dia 30 de setembro, os produtores estão proibidos de manter o plantio de soja. A medida é tomada para prevenir e controlar a ferrugem asiática, a principal praga que atinge a cultura.

Durante o período do vazio sanitário, todas as plantas de soja têm que ser eliminadas por controle químico ou mecânico. O produtor que for notificado pode ser punido com sanções previstas na legislação.

"A Adapec está com sua equipe técnica pronta para monitorar as propriedades durante o vazio sanitário, porque nosso objetivo maior é garantir o controle da ferrugem asiática, fazendo com que as culturas de sojas tenham bons rendimentos e o Tocantins continue sendo um grande produtor desta cultivar", disse o presidente da Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec), Alberto Mendes da Rocha.

A ferrugem asiática é causada por um fungo e se espalha na plantação por meio do vento. A doença reduz a produtividade, impedindo que os grãos se formem completamente.

O cultivo da soja no período do vazio sanitário é permitido apenas em áreas de várzeas tropicais, que compreendem os municípios de Lagoa da Confusão, Dueré, Pium, Formoso do Araguaia e Guaraí.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.