Mais da metade dos municípios de SC tem estiagem
CI
Imagem: Marcel Oliveira
ALERTA

Mais da metade dos municípios de SC tem estiagem

O governo do Estado já destinou R$ 76,6 milhões para socorrer os atingidos e criou um gabinete de crise
Por: -Eliza Maliszewski

Santa Catarina segue em alerta. O Estado vive a pior estiagem em 15 anos, com chuvas bem abaixo da média histórica. Segundo as secretarias do Meio Ambiente e de Desenvolvimento Econômico, dos 295 municípios catarinenses, mais da metade já sofrem com a estiagem. Do total, 83 estão em estado de atenção, 28 em alerta e 25 em estado crítico. Apenas 143 permanecem em condição de normalidade. Os mais afetados estão na região Oeste. 

O governo do Estado já destinou R$ 76,6 milhões para socorrer os atingidos e criou um gabinete de crise para acompanhar os efeitos. Algumas medidas já estão sendo tomadas como projetos para captação de água, laudos para prorrogar dívidas dos produtores atingidos em lavouras financiadas pelo seguro agrícola e a compra de cestas básicas. 

Até o momento já são R$ 5 milhões destinados ao programa Menos Juros que visa apoiar e subvencionar financiamentos contratados pelos produtores rurais para atividades que aumentam a renda e criam oportunidades de trabalho. Outro R$ 1 milhão está no Programa Irrigar, com subvenção aos juros de financiamentos contraídos pelos produtores rurais. Cerca de R$ 1,5 milhão foram investidos no programa Fomento Agropecuário para financiamento de investimentos na produção agropecuária. 

Segundo o último boletim Hidrometeorológico do Estado, divulgado na semana passada, o cenário piorou em especial entre a região do Oeste e Planalto Sul do Estado, onde ocorreram baixos volumes de precipitação em comparação com a média histórica.Como novidade neste boletim, agregou-se a avaliação do índice integrado de seca (ISS), que identifica as áreas e as classifica por intensidade: seca fraca (S0) até seca excepcional (S4). O índice Integrado de Secas também apontou que os baixos volumes de chuva no mês de outubro, caracterizado climatologicamente como um mês de elevados volumes de precipitação para Santa Catarina, resultaram no avanço de seca grave para quase todo o estado, com impactos de curto e longo prazo.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink