Mandioca: Maior oferta não freia alta da raiz

Agronegócio

Mandioca: Maior oferta não freia alta da raiz

A relativa baixa disponibilidade de raiz de mandioca deve-se ao volume cada vez menor de mandioca de segundo ciclo disponível para a colheita
Por:
286 acessos

Na semana passada, mesmo após as chuvas, o clima esteve mais favorável à colheita de mandioca na maioria das regiões pesquisadas pelo Cepea. Dessa forma, o volume de matéria-prima entregue às fecularias aumentou 30,2% no período. Porém, a oferta é considerada baixa pelos agentes do mercado, segundo pesquisas do Cepea. A relativa baixa disponibilidade de raiz de mandioca deve-se ao volume cada vez menor de mandioca de segundo ciclo disponível para a colheita. Além disso, parte expressiva do produto está concentrada em grandes agricultores que, sem necessidade de caixa, postergam a colheita. Muitos, inclusive, preparam-se para o plantio da safra 2009/10. Neste cenário, o preço médio da mandioca para fecularias voltou a subir na semana passada, com média de R$ 135,36/t, alta de 1,9% em relação à anterior.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink