Mandioca é tema de dias de campo no Paraná e Mato Grosso do Sul
CI
Mandioca

Mandioca é tema de dias de campo no Paraná e Mato Grosso do Sul

Nesta quarta (29), acontece o II Encontro Técnico da Mandioca no Silos Itaquiraí
Por:

Produtores, técnicos, empresários rurais e agentes de assistência técnica e extensão rural do polo de mandioca do Centro-Sul do País são o público-alvo de dois dias de campo sobre a cultura da mandioca que contam com a realização e/ou apoio da Embrapa Mandioca e Fruticultura (BA) — Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Nesta quarta (29), acontece o II Encontro Técnico da Mandioca, promovido pela Cooperativa Agrária Sul Matogrossense (Copasul), na Unidade de Difusão de Tecnologias (UDT), no Silos Itaquiraí. Da Unidade, participam como instrutores os pesquisadores Marco Rangel e Rudiney Ringenberg (que atuam no campo avançado da Embrapa Mandioca e Fruticultura no Centro-Sul), que vão falar, respectivamente, sobre as variedades de mandioca da Embrapa BRS CS01 e BRS 420 e sobre o manejo integrado de insetos-praga na cultura. Também há palestrantes da Copasul (Cleiton Zebalho), Instituto Agronômico do Paraná – Iapar (Mário Takahashi), Universidade Estadual do Oeste do Paraná – Unioeste (Neumarcio Costa e Emerson Fey) e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada – Cepea, da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, unidade da Universidade de São Paulo – Esalq/USP (Fábio Isaias Felipe). 

Já no dia 31, a Unidade realiza, junto com a Podium Alimentos e apoio de instituições parceiras, dia de campo sobre o plantio da cultura da mandioca no Sítio Nossa Senhora Aparecida, no Alto Paraná (PR). Da Embrapa Mandioca e Fruticultura, também participam como instrutores os pesquisadores Marco Rangel (variedades) e Rudiney Ringenberg (monitoramento de pragas) e o analista Helton Fleck (plantio direto). Haverá ainda a palestra de Jonez Fidalski, do Iapar (física de solos e sistema de preparo).

Reunião na Abam
No dia 30, a equipe da Unidade participa de reunião na sede da Associação Brasileira dos Produtores de Amido de Mandioca (Abam), em Paranavaí (PR). Rangel vai fazer uma apresentação sobre o trabalho que vem sendo realizado no Centro-Sul, com ênfase nas variedades BRS CS01 e BRS 420. Na ocasião, Helton fará entrevistas para ranqueamento com produtores da região sobre os atributos de valor que consideram mais importantes da BRS 420, como produtividade de raízes, alto teor de amido, resistência a doenças, entre outros.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.