Mapa anuncia campanha de vacinação contra a febre aftosa


Agronegócio

Mapa anuncia campanha de vacinação contra a febre aftosa

Por: -Admin
1 acessos

Começa no dia 1º de maio uma nova etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa, coordenada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Cerca de 110 milhões de bovinos e bubalinos serão imunizados em 13 Estados mais o Distrito Federal. Serão vacinados 8,6 milhões de animais no Mato Grosso, com idade abaixo de 24 meses, 10,6 milhões no Mato Grosso do Sul, animais também com idade abaixo de 24 meses, 10,9 milhões em Minas Gerais, no rebanho do Circuito Pecuário Centro-Oeste. Nos outros estados a vacinação será em todo o rebanho: 1,6 milhão no Acre, 4,5 milhões no Maranhão, 13,7 milhões no Pará, 1,8 milhão no Piauí, 8 milhões em Rondônia, 100 mil no Distrito Federal, 19,6 milhões em Goiás, 9,7 milhões no Paraná, 755 mil em Sergipe, 13,5 milhões em São Paulo e 6,8 milhões em Tocantins.

A campanha de vacinação integra o Programa Nacional de Erradicação de Febre Aftosa (PNEFA) do Ministério da Agricultura, que prevê a eliminação da doença em todo o território nacional até dezembro de 2005. A expectativa do Ministério da Agricultura é de que haja uma demanda recorde de 346,5 milhões de doses de vacina este ano, o que representa um aumento de 6,6% sobre as vendas de 2002. Apesar do crescimento, o número representa apenas 70% da capacidade total de fabricação dos laboratórios brasileiros. Segundo informações do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal (Sindan), os laboratórios fabricantes de vacinas podem produzir cerca de 500 milhões de doses anualmente.

Atualmente, o Brasil utiliza a vacina trivalente contra os vírus O, A e C, que permanecerá sendo utilizada no país até que se tenham levantamentos sorológicos completos de identificação dos vírus existentes prevalentes na Bolívia e nos outros países fronteiriços. A decisão foi tomada pelas lideranças dos setores oficiais e privados do Brasil, durante a última reunião da Comissão Sul-Americana de Luta contra a Febre Aftosa (Cosalfa), realizada em março, em Santiago do Chile, e visa ampliar a segurança contra eventual reintrodução de vírus no Brasil.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink