Mapa faz consulta para regulação de alimentos à base de vegetais

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia os Termos de Uso e a Termos de Privacidade.


CI
Imagem: Divulgação Mapa
PLANT BASED

Mapa faz consulta para regulação de alimentos à base de vegetais

Tomada Pública de Subsídios ficará disponível por um período de 90 dias
Por: -Eliza Maliszewski

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) iniciou nesta sexta-feira (11) a Tomada Pública de Subsídios sobre a regulação dos produtos processados de origem vegetal conhecidos como plant based, que ficará disponível por um período de 90 dias. 

Os produtos Plant Based, assim denominados genericamente, referem-se a uma classe de produtos compostos unicamente por matérias-primas de origem vegetal e que buscam espelhar características (organolépticas e nutricionais) de produtos de origem animal existentes. 

A demanda por alimentos à base de vegetais tem crescido nos últimos anos e é uma área inovadora, tanto em diversidade de produtos (análogos a base de proteínas alternativas) quanto em empresas que ingressam no setor, conquistando um nicho cada vez maior de consumidores e da fração de mercado de produtos proteicos. Segundo informações do The Good Food Institute (GFI), estima-se que o mercado global desse segmento atinja entre US$ 100 bilhões e US$ 370 bilhões até 2035. 

“A Tomada Pública de Subsídios é uma ferramenta importante por permitir a participação de todos os envolvidos no processo e por auxiliar na tomada de decisões regulatórias, além de propiciar maior transparência ao processo e buscar conhecer às expectativas dos interessados no assunto”, destaca o diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Vegetal, Glauco Bertoldo. 

As contribuições, tecnicamente fundamentadas, poderão ser feitas por meio do formulário para participação da tomada pública de subsídios, disponível no link.

* informações do Mapa


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink