Mapa libera mais R$ 62,7 milhões aos cafeicultores

Agronegócio

Mapa libera mais R$ 62,7 milhões aos cafeicultores

Do total, R$ 60 milhões foram repassados ao Banco Cooperativo do Brasil
Por:
1 acessos

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) liberou nos últimos dias R$ 62,7 milhões dos recursos do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé) para apoiar a cadeia produtiva da cafeicultura. Do total, R$ 60 milhões foram repassados ao Banco Cooperativo do Brasil (Bancoob), e R$ 2,7 milhões, ao Banco Safra. Até agora, o governo já transferiu para os agentes financeiros conveniados R$ 950,2 milhões, de um orçamento de R$ 2,026 bilhões do Funcafé para este ano.

Os recursos do Funcafé se destinam ao financiamento de custeio, colheita, estocagem e Financiamento para Aquisição de Café (FAC). Os R$ 60 milhões transferidos ao Bancoop foram para crédito de estocagem do produto. Dos 2,7 milhões repassados ao Banco Safra, R$ 2,5 foram para o FAC e R$ 200 mil para colheita.

De acordo com o diretor do Departamento do Café (Dcaf) da Secretaria de Produtção e Agroenergia, Lucas Tadeu Ferreira, dos R$ 950,2 milhões do Funcafé liberados até agora, R$ R$ 413 milhões foram para colheita, R$ 356,4 milhões para estocagem, R$ 165,5 milhões para FAC e R$ R$ 15,1 milhões para custeio.

“O orçamento de R$ 2,026 bilhões do Funcafé para este ano teve um acréscimo de quase 30% em relação ao de 2006, de R$ 1,578 bilhão”, destacou Ferreira. Esses recursos, explicou, são procedentes da arrecadação com a venda dos estoques do fundo e do retorno dos empréstimos. A previsão, segundo o diretor do Dcaf, é de que o orçamento do Funcafé seja de R$ 2,56 bilhões em 2008.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink