Marialva/PR estima colher 22,5 mil ton de uva fina

Agronegócio

Marialva/PR estima colher 22,5 mil ton de uva fina

O município responde por 50% da produção de uva fina no Paraná
Por:
292 acessos
Os viticultores de Marialva (a 12Km de Maringá) estão otimistas com a safra de inverno de uva fina de mesa. Eles esperam colher mais de 22,5 mil toneladas da fruta nos próximos três meses, período em que deve se estender a colheita. Neste início da safra o quilo do produto está sendo negociado a R$ 2,70 e, de acordo com levantamentos, a produtividade média deve chegar a 15 mil quilos por hectare.


Os números agradam o produtor Idair Bortolaci, que há 10 anos produz uva quase de maneira artesanal. Na opinião dele, esta safra será uma das melhores dos últimos tempos. "A uva é excelente negócio. Além de empregar toda a minha família, estamos comercializando o produto por um bom preço, o que faz com que tenhamos uma ótima renda, proporcionando qualidade de vida a todos nós", comemora.

Para o secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo de Maringá, Valdinei Cazelato, as chuvas regulares nos últimos meses contribuíram para a excelente qualidade do produto que apresentam bagas e coloração uniformes e teor ideal de doçura. "As condições climáticas favoreceram para o bom desenvolvimento dos frutos", afirmou.


Marialva responde por 50% da produção de uva fina no Paraná. As principais variedades cultivadas no município são Itália, Rubi, Benitaka e Brasil, e têm como centros consumidores os Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Goiás, Mato Grosso e Rio Grande do Sul.

O cultivo da uva fina em Marialva teve início na década de 60 com apenas um hectare cultivado pelas famílias Yamanaka e Wakita. Hoje as parreiras cobrem 1,5 mil hectares. São 850 propriedades e 1.100 famílias, entre proprietários e parceiros agrícolas, envolvidas com a atividade.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink